Sobre NósPara Você
Para EmpresasConteúdos
Eventos
Game Changers

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Eventos

Jornadas de conhecimento fomentando o aprendizado dinâmico e inovador em diversos formatos e intensidades

Ver todos

Ainda não temos eventos programados. Mas estamos preparando encontros repletos de inovação para você!

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Artigos
Carreira

Salário até R$ 30 mil: veja as posições em alta ligadas ao Open Banking

Levantamento mostra as posições ligadas ao Open Finance que estão em alta. Confira!

Salário até R$ 30 mil: veja as posições em alta ligadas ao Open Banking

Foto: golero via Getty Images

5 min

4 mai 2022

Atualizado: 30 nov 2022

Por Sabrina Bezerra

Já falamos aqui que o Open Finance — também chamado de “Sistema Financeiro Aberto” — é uma das revoluções do mercado financeiro. Afinal, por meio de tecnologia, traz as ofertas de produtos e serviços que são melhores para o cliente e para as instituições financeiras. Logo, não era de se surpreender que aumentaria a demanda por profissionais qualificados para o Open Banking.

Como assim? Segundo um levantamento feito pela consultoria Robert Half, entre outubro de 2021 e março de 2022, houve crescimento de 38% na busca por esses especialistas em comparação com o mesmo período do ano anterior. Vale lembrar que a implementação do Open Banking começou no Brasil em fevereiro de 2021 e tem passado por uma série de fases.

“A adaptação do mercado ao Open Banking passa pela intensificação de contratações em algumas posições, não necessariamente novas, mas que tiveram uma alta significativa nos últimos meses (veja abaixo)”, conta em comunicado enviado à StartSe Ana Carla Guimarães, gerente da Robert Half. 

O QUE É OPEN BANKING?

 “É a possibilidade de clientes de produtos e de serviços financeiros permitirem o compartilhamento de suas informações entre diferentes instituições autorizadas pelo Banco Central e a movimentação de suas contas bancárias a partir de diferentes plataformas e não apenas pelo aplicativo ou site do banco”, diz o BC.

Mas afinal, quais são as posições mais buscadas pelo mercado quando o assunto é Open Finance e o salário de cada uma delas?

CARGOS ASSOCIADOS AO OPEN BANKING

De acordo com a Robert Half são:

– Digital Innovation Manager
Remuneração: de R$ 20.050 a R$ 30.600

– Customer Experience Manager 
Remuneração: R$ 18.050 a R$ 32.500

– Analista de Produtos
Remuneração: R$ 7.500 a R$ 11.300

– Gerente de Produtos
Remuneração: R$ 12.000 a R$ 18.050 

– Desenvolvedores e Engenheiros de Software
Remuneração: R$ 12.300 a R$ 20.650

– Analista de Business Intelligence 
Remuneração: R$ 8.100 a R$ 13.450 

– Gerente de Business Intelligence
Remuneração: R$ 17.750 a R$ 29.700

QUAIS SÃO AS PRINCIPAIS HABILIDADES EXIGIDAS?

– Conhecimento em metodologias ágeis

– Programação em SQL, VBA, Phyton

– Softwares focados em tratamento de base de dados – POWER BI, R, Hadoop

(Foto: Getty Images)

POR QUE IMPORTA? 

Apesar de ainda ser menos popular que o Pix, o Open Banking é uma das tendências mundiais. Austrália, Singapura, Hong Kong e  Reino Unido são lugares que já adotaram a inovação. O Reino Unido, por exemplo, implementou em 2018 e se tornou referência no assunto. São mais de 2,5 milhões de adeptos, de acordo com a Open Banking Implementation Entity. 

Aqui no Brasil, cerca de 65% das pessoas que possuem celular e têm contas em bancos estão dispostas a compartilhar os dados, mas se as taxas forem menores, segundo dados da Quanto e Aster Capital. Portanto, o aquecimento na procura por esses talentos pode continuar cada vez mais aquecida.

Banner newsletter StartSe


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Jornalista especializada em carreira, empreendedorismo e inovação. Formada em jornalismo pela FMU e pós-graduada em marketing pelo Senac, atua na área de negócios há quatro anos. Passou por veículos como Pequenas Empresas e Grandes Negócios e Época NEGÓCIOS.

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo