Sobre NósPara Você
Para EmpresasConteúdos
Eventos
Game Changers

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Eventos

Jornadas de conhecimento fomentando o aprendizado dinâmico e inovador em diversos formatos e intensidades

Ver todos

Ainda não temos eventos programados. Mas estamos preparando encontros repletos de inovação para você!

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Artigos
Gestão de Pessoas

Soft skills: como desenvolver essas habilidades nos colaboradores?

Veja como agregar competências comportamentais que estimulem o sucesso da sua empresa

Soft skills: como desenvolver essas habilidades nos colaboradores?

Homem escrevendo na lousa durante a apresentação (Fonte: Getty Images)

7 min

22 nov 2022

Atualizado: 23 nov 2022

Nascidas na Nova Economia, elas já são famosas entre os recrutadores. As soft skills, ou, habilidades de interação e relação entre pessoas no ambiente de trabalho, são cada vez mais essenciais nas companhias e eu te explico o porquê: a tecnologia, nos próximos três anos, pode mudar completamente a forma que enxergamos o mercado de trabalho já que as inovações substituirão (facilmente!) o trabalho técnico. 

E está nos dados! De acordo com um  estudo recente realizado pela IBM em 50 países, com 5.800 executivos, nos próximos três anos, mais de 120 milhões de profissionais deverão se recapacitar para trabalhar nos modernos ambientes digitais

Além disso, temos outro ponto importantíssimo a considerar: a maior causa de demissão, hoje, é justamente o comportamento dos colaboradores, já que, muitas vezes, ele não se adequa à cultura da empresa. De acordo com um levantamento da Page Personnel, nove em cada 10 profissionais são contratados pelo perfil técnico e demitidos por problemas comportamentais. Pois é… Por isso a importância das soft skills. 

Pessoas seguras, que tenham a coragem de enfrentar desafios, iniciar testes, fazer networking, queiram aprender… É isso que sua empresa deve buscar, além de saber se o candidato possui um certificado X, ou uma faculdade Y (o que, com certeza, é importante também). 

MAS AFINAL, O QUE SÃO AS SOFT SKILLS?

Basicamente, como já falamos acima: trata-se de um conjunto de habilidades e competências relacionadas ao comportamento humano. Elas refletem no trabalho a forma que agimos na vida pessoal e garante que os colaboradores saibam lidar com situações inesperadas e tenham resiliência para enfrentar desafios. 

Elas não são treináveis como as habilidades técnicas. São competências subjetivas que estão diretamente relacionadas a relação dos funcionários com a cultura da empresa. Por exemplo, se um colaborador trabalha em uma startup, é implícito que ele adquira soft skills relacionadas aos testes, desafios e vontade de sonhar junto com a empresa. 

Para ficar mais fácil de entender, nós vamos detalhar abaixo.

QUAIS SÃO AS PRINCIPAIS SOFT SKILLS?

RESILIÊNCIA

Superar obstáculos e os próprios limites. O termo tem a ver com a capacidade do indivíduo de encarar as situações adversas e escolher continuar. De acordo com o dicionário Houaiss,

 “ é propriedade que alguns corpos apresentam de retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação elástica”.

Ter problemas, situações estressantes, crises de ansiedade, são cada vez mais comuns no dia a dia das pessoas. A diferença é a forma como resolvemos estes episódios - principalmente no que diz respeito ao trabalho. 

INTELIGÊNCIA EMOCIONAL

Livros de Daniel Goleman (Fonte: Amazon)


Sabe aquela vez que você fez algo errado no trabalho, mas não se desesperou, reportou a situação e ainda resolveu o problema em questão? Então… A sua atitude é basicamente a definição de inteligência emocional. O termo refere-se à capacidade de identificar e lidar com emoções tanto pessoais quanto dos outros indivíduos. Aqui nós demos dicas de como desenvolver essa habilidade.  

COMUNICAÇÃO ASSERTIVA

Quanto mais desenvolto é um profissional, maior é a sua chance de ganhar promoções no trabalho, aumentos e se destacar na empresa.  Mas sabemos que isso não é tão simples assim… Comunicar-se bem não se trata apenas de verbalizar o que está na sua cabeça. Afinal, uma fala “mal falada” pode acabar em atrasos de entrega, projetos errados, ou mesmo, conflitos internos. 

Essa habilidade tem a ver com a sua capacidade de traduzir os seus pensamentos de forma confiante, justa, e o mais importante: empática. E aqui vai uma dica: desenvolver uma escuta ativa é o primeiro passo! 

PENSAMENTO CRÍTICO

Sabe quando um colega de trabalho sugere um projeto que, de acordo com ele, pode mudar o futuro da empresa? O pensamento crítico é o que te torna o “chato” da situação. Neste momento, é necessário levantar a mão e elencar todos os prós e contras, escrever, fazer contas, ou, o que for preciso para validar se aquela ideia é realmente incrível ou não. Isso é essencial para evitar um possível desperdício de energia (e dinheiro!). 

QUAL A DIFERENÇA ENTRE HARD SKILLS E SOFT SKILLS? 

Três pessoas trabalhando (Fonte: Getty Images)

Agora que você já sabe tudo isso, fica mais fácil de diferenciar. Ao contrário do que são as soft skills, as hard skills tem tudo a ver com as habilidades não comportamentais, ou seja, tudo que é técnico, científico e que demanda cursos, treinamentos e certificações para serem provadas (algo nada subjetivo!).  

Mais fáceis de serem identificadas, elas estão no currículo e servem para mensurar, de alguma forma, qual nível de experiência um profissional está. Dito isso, vou resumir: as hard skills são as competências quantificáveis e ensináveis. 

E COMO DESENVOLVER ESSAS HABILIDADES NOS COLABORADORES DA MINHA EMPRESA? 

Como falamos acima, as soft skills não são treináveis. Mas… Com essas 5 dicas, você consegue estimular esse processo! Confira.

1- TENHA UMA CULTURA SÓLIDA

Quais são os valores e as crenças da sua empresa? O que você prioriza nela? Descreva a sua resposta em tópicos e leve isso como mantra dentro da sua empresa. Abaixo, nós explicamos como e porquê construir isso. 

Thumbnail do vídeo

2- ESTIMULE O RELACIONAMENTO 

Crie momentos entre os colaboradores, nem que seja um happy hour a cada mês. Ou um treinamento que exige exercícios em grupo. Isso faz com que eles criem engajamento entre si e saibam, cada vez, lidar com experiências em equipe. 

4. OFEREÇA AUTONOMIA

Deixe os seus colaboradores livres para fazer testes, enfrentar desafios e encarar possíveis adversidades. Tem forma melhor de aprender a lidar melhor com problemas do que ter que viver isso na prática? Com certeza não. 

Além disso, quando o ambiente proporciona autonomia, é provável que os funcionários se sintam mais confortáveis para a sugerir novas ideias e serem mais participativos nos projetos da equipe. 

4- RECONHEÇA QUEM TEM DISPOSIÇÃO PARA ENCARAR DESAFIOS

Mulher apertando as mãos de seu colega em uma reunião no escritório (Foto: filadendron via Getty Images)

Construa métodos de reconhecimento. Seja através de remuneração ou elogios após uma atitude legal de algum colaborador - por exemplo, quando alguém conseguiu agir com eficiência após a solução de algum problema. Isso influencia outros funcionários a terem a mesma atitude. 

E aí, pronto para construir uma empresa corajosa e com vontade de crescer?

VEJA COMO SUA ÁREA DE PEOPLE PODE PARTICIPAR ATIVAMENTE PARA ENGAJAR E AJUDAR NAS SOFT SKILLS DOS SEUS COLABORADORES

As empresas mais inovadoras do mercado estão adotando modelos mais avançados e eficientes para reter e desenvolver seus talentos.

Essa ainda é a melhor forma de diminuir a perda de profissionais-chave e tornar sua empresa uma marca empregadora (employer branding), gerando performance sem perder o engajamento do time.

A StartSe reuniu os principais especialistas de recursos humanos, treinamento e capacitação para um treinamento inédito no Brasil.

Tenha acesso ao módulo 1 gratuitamente aqui.

Nós abordaremos temas desde diagnóstico cultural, atração de talentos, processos e desenvolvimento. E você não precisa investir nenhum centavo. Saiba mais.

ACESSE AO MÓDULO 1 DO TREINAMENTO HR LEADERSHIP GRATUITAMENTE


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Jornalista. Possui experiência no mercado financeiro, social media e customer experience. Passou pela XP Inc.

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo