Sobre Nós
Para Você

NOVO

Para Empresas
Conteúdos
Eventos
Game Changers
Tools
NOVO

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Tools

NOVO

As ferramentas de inteligência artificial desenhadas para o seu negócio

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Registro de ponto por WhatsApp? Conheça a nova onda do RH

A marcação de ponto pelo app de mensageria e outras ferramentas tecnológicas é uma das soluções para acompanhar a jornada de trabalho dos funcionários. Entenda!

Registro de ponto por WhatsApp? Conheça a nova onda do RH

Whatsapp (foto: Getty)

, jornalista

5 min

12 out 2021

Atualizado: 3 jan 2023

Por Sabrina Bezerra.

Quem diria que o registro de ponto por WhatsApp seria um dia realidade no mercado de trabalho? Pois é. Existe e sem muitas delongas: basta mandar uma mensagem com o texto “bater ponto” e está feito. 

Mas essa é apenas uma das formas de registrar o ponto eletrônico à distância. Com o aumento do home office total e o modelo híbrido, as empresas saíram à procura de sistemas que registrassem o início e o fim da jornada de trabalho de seus funcionários. 

E o que encontraram? Os mais diferentes tipos de aplicativos: com biometria facial, captura de imagem, geolocalização e muito mais. Selecionamos 3 ferramentas para você conferir:

1 - REGISTRO DE PONTO POR WHATSAPP

A Pontomais, empresa de otimização de processos de RH, lançou uma ferramenta que permite a marcação de ponto por meio do WhatsApp. Funciona assim: após o colaborador ativar o registro, basta enviar uma mensagem com o texto “bater ponto”. 

“As informações de registro de ponto pelo WhatsApp são enviadas em tempo real para a plataforma Pontomais, dessa forma, a extração das informações de jornada de trabalho funciona da mesma maneira para os outros tipos de registro de ponto pelos relatórios AFD e AFDT”, diz a empresa.

Hendrick Machado, CEO e fundador do Pontomais, vai falar mais sobre o modelo de negócio no dia 21 de outubro, durante o SVWC, evento online e gratuito da StartSe. Faça a sua inscrição.

2 - Mywork

Com a plataforma da Mywork, o colaborador registra o ponto via web de onde ele estiver. Uma foto também deve ser tirada “para ajudar a comprovar que o ponto foi batido no horário certo e pelo próprio funcionário”, diz a empresa. A data, o horário e a localização são captados pelo sistema. O valor depende da quantidade de usuários, mas varia entre R$ 5,30 e R$ 150 mensais.

+ 3 ferramentas de gestão de tarefas

3 - Tangerino

A startup oferece registro de ponto à distância com geolocalização. Para realizar a marcação de ponto, o colaborador deve entrar na plataforma com o pin o QRCode, ativar a geolocalização, mirar a câmera do celular em seu rosto (a marcação é feita por meio de reconhecimento facial) e pronto. Registro feito. O preço é a partir de R$ 4,50 por usuário, e varia de acordo com o pacote contratado.

POR QUE IMPORTA?

No Brasil, o número de pessoas em teletrabalho atingiu 7,3 milhões, segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Diante deste cenário, para obter o registro de ponto dos colaboradores, algumas empresas adotaram ferramentas tecnológicas de registro da jornada de trabalho à distância.

Essa mudança de comportamento da área de recursos humanos abriu portas e espaço para as startups do setor — como as citadas acima. Mas por outro lado, é preciso ter cuidado e seguir todas as diretrizes da Lei Geral da Proteção de Dados (LDPD). Afinal, em tempos de crescimento de ciberataques, tudo cuidado é pouco.

Registro de ponto por reconhecimento facial, geolocalização e WhatsApp são algumas das novidades do mercado de trabalho. Fique por dentro das inovações mais fora da caixa no dia 21 de outubro, no SVWC, evento online e gratuito da StartSe.

Banner SVWC RH Tech Day


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Jornalista especializada em carreira, empreendedorismo e inovação. Formada em jornalismo pela FMU e pós-graduada em marketing pelo Senac, atua na área de negócios há quatro anos. Passou por veículos como Pequenas Empresas e Grandes Negócios e Época NEGÓCIOS.

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo