Tesla vai criar novos carros com o “estilo da China”

Após inaugurar fábrica de US$ 2 bilhões em Xangai, empresa de Elon Musk pretende produzir veículos personalizados para o público chinês

João Ortega

Por João Ortega

17 de janeiro de 2020 às 12:34 - Atualizado há 1 mês

Tesla

A Tesla está focando cada vez mais no mercado chinês, principal consumidor de carros elétricos no mundo. A empresa norte-americana divulgou em sua conta do WeChat (super app popular na China) uma chamada para novos funcionários interessados em trabalhar em um “centro de design e pesquisa” no país asiático.

Assine a newsletter Conexão China e receba conteúdo exclusivo semanal sobre a maior potência inovadora do Oriente!

“Para conseguir uma mudança de ‘Made in China’ para ‘Designed in China’, o CEO da Tesla, Elon Musk, propôs uma coisa muito legal: criar um centro de design e pesquisa na China”, diz o anúncio publicado nesta quarta-feira (15). A fabricante de carros elétricos recebe aplicações para estas vagas até o fim de janeiro, mas o anúncio não especifica quando o centro começará a operar, tampouco a localização exata do empreendimento.

A ideia de Musk é criar modelos com o “estilo da China”, que sejam mais apelativos às características e culturas locais, ainda de acordo com a conta oficial da empresa no WeChat. Hoje, a produção chinesa é focada nos carros Model 3 e, em breve, também fabricará o Model Y.

Desde outubro de 2019, a Tesla tem permissão para produzir carros elétricos na fábrica de US$ 2 bilhões construída em Xangai. A estimativa é que a capacidade de produção chegue a mil veículos por semana – os primeiros exemplares serão entregues ainda em janeiro.

Venha aprender com os líderes das empresas mais inovadoras do Vale do Silício (EUA), China, Israel e Portugal