Remessa Online lança serviço focado em startups brasileiras que buscam capital estrangeiro

Conteúdo Patrocinado

Por Conteúdo Patrocinado

15 de outubro de 2020 às 17:50 - Atualizado há 1 semana

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Remessa Online, plataforma brasileira de transferências internacionais, lança este mês a Remessa for Startups, um serviço inédito no mercado dedicado a auxiliar startups brasileiras que estão ganhando projeção internacional e buscam aporte de capital estrangeiro.

A fintech, que já é expert em mercado de capitais e traz em sua trajetória toda a vivência em captação de recursos, vai atuar como facilitadora no processo de aporte de capital, orientando as startups a como operacionalizar sua estrutura offshore até a captação e demais necessidades de remessas internacionais que a empresa tenha.

Alexandre Liuzzi, cofundador e Diretor de Estratégia da Remessa Online, explica que o novo serviço atenderá a startup de forma 360º. “Por sermos uma startup que já vivenciou o processo de captação de recursos, onde levantamos mais de R$130 milhões em quatro diferentes rodadas de investimentos, temos a vantagem competitiva de entender as reais dores das startups brasileiras e um skill interno único capaz de atendê-las com velocidade, conhecimento técnico dos trâmites para as operações e com as menores taxas do mercado”.

A Remessa for Startups atende também demais agentes do ecossistema, como investidores anjo e venture capital. O atendimento consultivo para operações offshore garante que o investidor ou o gestor de portfólio se atenha apenas na mentoria às startups e análise estratégica de seus negócios, sem perder tempo com estrutura legal e trâmites burocráticos.

A novidade vem ao encontro da maturidade do ecossistema brasileiro de startups e de um segmento que só cresce dentro da plataforma Remessa Online. Desde 2019, data do lançamento do Remessa for Business, solução focada em PMEs, o segmento de capitais para startups já é um dos três maiores para a empresa, com mais de R$500 milhões transacionados por startups desde então. O maior volume de transações hoje pela Remessa Online ocorre entre as etapas denominadas Seed Capital (capital semente), Series A e Series B das Ventures Capitals, fases em que os fundadores não possuem forte relacionamento com bancos, não têm acesso a opções mais baratas do mercado de câmbio e precisam de auxílio para a estruturação offshore de suas operações. Com o novo serviço, a proposta é captar startups de 2 a 5 anos de atividade por meio dos fundadores, investidores anjo e venture capitals, prioritariamente.

A fundação da Remessa Online

A Remessa Online nasceu da veia empreendedora de dois amigos Fernando Pavani (atual CEO) e Alexandre Liuzzi (CSO), ambos experientes no mercado financeiro e que conheciam os gargalos ainda existentes nos serviços dessa categoria no País. A partir daí, juntaram-se a Stefano Milo e Márcio William e criaram uma solução online que facilitasse as remessas internacionais, agregando tecnologia e entendendo as oportunidades globais que pessoas e empresas podem ter.

A plataforma tem dobrado de tamanho a cada semestre desde o começo de sua operação comercial, em agosto de 2016, e continua batendo recordes de aquisição de clientes e operações mesmo durante a crise. A constante evolução e o alto potencial de crescimento chama ainda mais atenção dos investidores e permitiu com que a fintech recebesse aportes importantes ao longo dos anos, incluindo o último, em junho de 2020, de R$110 milhões para acelerar o negócio e investir em novas tecnologias e serviços financeiros, em rodada liderada pela Kaszek Ventures.

Entre os programas de aceleração que a Remessa Online participou, destacam-se o Endeavor Scale Up Fintech 2020, programa de aceleração com mentorias, workshops e palestras que contribuem para o crescimento de fintechs com alto potencial e também o Growth Academy 2020, programa de aceleração do Google for Startups focado em startups com tração comprovada de mercado, que capacita os líderes das startups em estratégias de crescimento com mentorias e aplicações práticas. A iniciativa já foi realizada em outros países como Espanha, Japão e Reino Unido e chegou ao Brasil no último mês (setembro) com outras sete startups brasileiras selecionadas, de diferentes setores.

A Remessa Online está entre as 10 maiores operações do Brasil em números de transações e foi eleita uma das startups mais inovadoras e altamente escaláveis do país pelo ranking 100 Startups to Watch 2020, além de ter ganho o prêmio de  melhor startup na categoria Tração do Innovation Brazil (INNXBR).