Sobre NósPara Você
Para EmpresasConteúdos
Eventos
Game Changers

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Eventos

Jornadas de conhecimento fomentando o aprendizado dinâmico e inovador em diversos formatos e intensidades

Ver todos

Ainda não temos eventos programados. Mas estamos preparando encontros repletos de inovação para você!

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Artigos
Gestão de Pessoas

Como a Goomer implementou metas de diversidade de pessoas

Nós contamos como a startup definiu as metas e está mudando para atendê-las

Como a Goomer implementou metas de diversidade de pessoas

7 min

6 jul 2021

Atualizado: 24 nov 2022

Por Tainá Freitas

Protagonismo. É isto que a Goomer deseja trazer para os restaurantes, seus clientes, e para seus funcionários de dentro de casa. Desde o início da pandemia, a companhia tem trabalhado em duas frentes: possibilitando a transformação digital de restaurantes e deliveries e implementando políticas de diversidade dentro do time.

Criada em 2014, a Goomer começou com tablets, para que restaurantes oferecessem cardápios digitais. Depois, disponibilizou também totens de autoatendimento. Em 2020, com a pandemia e o fechamento físico (e temporário) desses estabelecimentos, a companhia lançou, em sete dias, uma outra solução: a Goomer Go, que integra a disponibilização de cardápio online com pedidos enviados diretamente pelo WhatsApp.

Dentro de casa, a companhia buscava outra transformação: ter 50% de equidade de gênero; 25% de funcionários LGBTQIA+ e ao menos 20% de vidas negras no seu quadro de funcionários.

A empresa passou a fazer as mudanças necessárias para alcançar essas metas. “Revisamos nossa comunicação. Entendemos que deve ser mais ampla, inclusiva e diversa. Isso vai desde substituir o ‘desenvolvedor’ pelo ‘pessoa desenvolvedora’. Ainda há muito o que fazer e aprender, mas foi assim que começamos”, explicou João Arcalá, líder de Gente & Gestão da Goomer, em entrevista à StartSe.

 

COMO VOCÊ ESTÁ CONTRATANDO?

Foto de Alex Green no Pexels

Outro passo importante foi o olhar atento à proporção de pessoas durante o processo seletivo. “Não adianta, em uma contratação de 10 pessoas, selecionar currículos de 8 homens e 3 mulheres. É necessário ter a meta clara para não cair no erro de contratar e só entender a disparidade depois que já está muito grande”, recomenda Arcalá.

Foi com os erros que a Goomer foi aprendendo. Mas foi com a mudança de rota após percebê-los que a companhia avançou em suas metas. Atualmente, a startup conta com 45,8% de equidade de gênero (o equilíbrio entre homens e mulheres); 20% de funcionários LGBTQIA+ (do 25% desejado); e 16,5% de vidas negras do 20% almejado.

“O posicionamento tem que começar de dentro para fora. Aqui, na prática, temos uma conversa por mês que aborde alguma minoria; seja LGBTQIA+, PCD, liderança feminina”, explica o líder. As duas últimas categorias -- pessoas com deficiência e liderança feminina -- são as próximas metas a serem estabelecidas dentro da companhia.

 

DIVERSIDADE DE PESSOAS E CANAIS

Agora, os planos continuam ser apostar em diversidade -- de pessoas e de canais. São quase 100 pessoas no quadro de funcionários hoje e a expectativa é de alcançar cerca de 200 pessoas até o final do ano. Há vagas abertas. Esse impulso acontece após a Goomer receber um aporte de R$ 15 milhões em maio.

Já na perspectiva do negócio, o multicanal é o objetivo; a pretensão é de continuar oferecendo soluções físicas e online para restaurantes e agentes do setor. A meta para 2021 é de alcançar 230 mil estabelecimentos, através de produtos freemium e pagos.

Reunimos as principais personalidades femininas que estão conduzindo transformações e gerando impacto real na sociedade para convocar, inspirar, capacitar e apoiar outras mulheres. Tudo isso em um evento com transmissão ao vivo exclusiva para inscritas, no dia 26 de agosto, a partir das 17 horas.


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo