Favoritos ao bicampeonato da NBA, Warriors são o que são por tecnologia

Golden State Warriors derrotou o Cleveland Cavaliers e abriu vantagem

0
shares

Um time de basquete do Vale do Silício conquistou a NBA no ano passado e é o favorito a ganhar o título novamente em 2016. Trata-se do Golden State Warriors, da cidade de Oakland - pertinho, pertinho de São Francisco, o principal nome do Vale, que só chegou aonde chegou por abraçar o que há de mais moderno em termos de tecnologia do esporte.

Isso fez uma enorme diferença - já que inovação faz diferença até mesmo para um time de basquete. Para se ter uma ideia, os principais donos dos Warriors são todos venture capitalists e a companhia que comprou os naming rights de seu ginásio (coisa que americano leva muito a sério, ao contrário do brasileiro) é a gigante Oracle.

Nesta última quinta-feira, o primeiro jogo das finais foi um massacre do GS Warriors, que derrotou o Cleveland Cavaliers por 104 a 89. O jogo foi apertado em alguns momentos, por conta de uma má noite de Stephen Curry e Klay Thompson, os principais nomes dos Warriors, mas a equipe triunfou contra o time de LeBron James, o principal nome do basquete desde Michael Jordan.

Mas o que levou os Warriors a esse patamar? Primeiro, o time foi o primeiro a colocar dezenas de câmeras em sua quadra para avaliar cada mini-aspecto de seus jogadores, para avaliar precisamente as chances de cada jogador de acertar a bola na cesta de qualquer distância da quadra. Cada tentativa, drible, corrida, passe (completo ou não), movimentação viram dados para alimentar a base estatística do Golden State.

Com essa quantidade enorme de informações, o time consegue determinar o que cada jogador precisa evoluir individualmente e quais são as melhores táticas para montar um time competitivo contra seus adversários. Os treinamentos, portanto, são direcionados para que o time consiga obter os melhores resultados.

Fora que essa abordagem também consegue encontrar "jóias" perdidas em drafts (o processo em que cada time americano escolhe atletas que estão saindo da universidade e um dos principais motivos para a enorme competitividade da NBA). Em 2009, por exemplo, outros 6 times tiveram a oportunidade de escolher Stephen Curry antes dos Warriors. Ninguém escolheu (alguns dos escolhidos antes de Curry fracassaram na liga) e o astro do time, que não era tido como o grande prospecto do ano, está evoluindo para se tornar um dos melhores jogadores da história.

E isso se repete com Klay Thompson (o 11º escolhido de 2011), Draymond Green (o 35º de 2012) e Harrison Barnes (7º de 2012). O Cleveland, por sua vez, escolheu os talentos óbvios de seus anos quando pode (LeBron James era um dos principais nomes tanto para o basquete quanto para o futebol americano, de tão bom atleta que ele era), mas não conseguiu montar um elenco tão competitivo quanto o Golden State e depende muito de seus três principais jogadores.

Outra questão importante é a prevenção de lesões. Ano passado, LeBron era o único dos principais jogadores do Cleveland a jogar as finais, já que os outros estavam lesionados. Tentou, jogou muito mas não conseguiu ganhar sozinho. Já o Golden State raramente sofre com lesões, por ter tecnologias que mostram exatamente quando um atleta está para se machucar, com o desgaste físico e emocional das partidas.

Por fim, até o treinamento do Golden State é diferente. Basta ver esse GIF para entender. É Stephen Curry com um óculos escuro, batendo bola na quadra e não deixando uma bola de tênis cair no chão. Os óculos o cegam a maior parte das vezes, mas deixa ele enxergar frações de segundos, o que o faz ter que ter um raciocínio muito rápido para não deixar a bola cair no chão.

É impressionante o que esse time faz, graças à adoção de tecnologia e planejamento.

(Via CNET)

Mensagem do Editor

Ei, tudo bom?

Gostaria de agradecer pela visita! Meu nome é Felipe Moreno, sou editor-chefe do StartSe e, como muito de vocês, dono de uma (minúscula) startup de mídia.

E vou te fazer um pequeno convite: vamos bater um papo! É só se cadastrar aqui embaixo e eu vou te enviar alguns e-mails para você com o melhor do nosso conteúdo para te ajudar, seja você um empreendedor, funcionário, investidor ou apenas interessado neste maravilhoso mundo!

É um caminho de comunicação direto que nenhum outro portal oferece para seus leitores. E a intenção é construir uma comunidade vibrante que esteja preparada para todos os enormes desafios que virão. Vamos construir conhecimento e conteúdo juntos! Conto muito com a presença de vocês neste papo!

 

 

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários