Sou Aluno
Formações
Imersões
Eventos
Tools
Artigos
Sobre Nós
Para Empresas

WhatsApp agora é e-commerce? App lança recurso que integra 100% das lojas virtuais ao app. E Magalu é a primeira parceira...

Magazine Luiza é a primeira empresa a usar o novo recurso. Na prática, incorpora todo estoque de produtos do site ao app, atualiza os itens em tempo real e tira as dúvidas dos consumidores por mensagem

WhatsApp agora é e-commerce? App lança recurso que integra 100% das lojas virtuais ao app. E Magalu é a primeira parceira...

WhatsApp (Imagem: divulgação WhatsApp)

, jornalista

4 min

29 ago 2023

Atualizado: 29 ago 2023

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!

Imagine o e-commerce da sua empresa totalmente integrado ao WhatsApp.

Ou seja, as pessoas podem realizar todos os passos da compra — visualizar catálogo, tirar dúvidas, pesquisar preço e adicionar ao carrinho — sem a necessidade de sair do aplicativo.  

Objetivo: esse é o novo foco da Meta, dona do WhatsApp, para abocanhar uma fatia do mercado de e-commerce  — que deve bater R$ 185 bilhões em 2023, segundo previsão da ABComm Forecast. 

E bater de frente com sua concorrente que ameaça o negócio: o TikTok. 

  • O recurso, de integrar 100% do e-commerce ao app, é o novo foco da Meta, dona do WhatsApp 
     
  • O objetivo da big tech é potencializar ferramentas para crescer sua frente de negócios no Brasil — segundo maior país do app 

Estratégia: a nova funcionalidade vem para colocar mais lenha na fogueira entre a briga da Meta e do TikTok.


Whatsapp x TikTok

Para você entender um pouco mais, a ByteDance, dona do TikTok, já conta com uma equipe se dedicando intensivamente à preparação para transformar a plataforma no próximo grande e-commerce do Brasil.

WhatsApp não quer ficar para trás

Logo, o WhatsApp, que muito provavelmente, está de olho nessa movimentação, já correu para marcar território, oferecendo o recurso totalmente integrado às lojas virtuais.

Não surpreende que as duas primeiras empresas do país a testar o recurso novo do WhatsApp para e-commerce sejam o Magazine Luiza, uma das maiores varejistas em terras tupiniquins; e a Época Cosméticos, companhia de beleza também do Magalu. Afinal:

  • Magazine Luiza faz parte dos cinco marketplaces que detêm quase 80% das vendas online no Brasil 
     
  • Época Cosmético, marketplace de beleza, vai ao encontro do e-commerce de beleza como um todo que cresceu 12% em 2022

Por que importa?

O WhatsApp já sacou que os consumidores querem cada vez mais interagir com as empresas por meio de plataformas digitais. 

Assim, antes que a sua principal concorrente TikTok chegue na frente, vai disponibilizar uma série de recursos para abocanhar o mercado de b2b de e-commerce primeiro. 

Leitura recomendada

Esse tipo de estratégia acontece quando as empresas sabem, realmente, analisar os dados que importam. Você sabe mesmo como traçar uma estratégia para bater de frente com seu concorrente? Entenda mais aqui!

Gostou deste conteúdo? Deixa que a gente te avisa quando surgirem assuntos relacionados!


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Sabrina Bezerra é jornalista especializada em carreira e empreendedorismo. Tem experiência há mais de cinco anos em Nova Economia. Passou por veículos como Pequenas Empresas e Grandes Negócios e Época NEGÓCIOS.

Leia o próximo artigo

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!