Sobre Nós
Para Você

NOVO

Para Empresas
Conteúdos
Eventos
Game Changers
Tools
NOVO

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Tools

NOVO

As ferramentas de inteligência artificial desenhadas para o seu negócio

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Vale do Silício: as tendências para 2023 segundo brasileiros

Confira os bastidores das tendências que estão sendo criadas no Vale do Silício hoje, a partir da óptica de brasileiros que moram no ecossistema

Vale do Silício: as tendências para 2023 segundo brasileiros

Vale do Silício (foto: Getty Images)

, jornalista da StartSe

4 min

28 dez 2022

Atualizado: 30 jan 2023

O Vale do Silício é o ecossistema mais inovador do mundo. É ali, na região da cidade de São Francisco, nos Estados Unidos, que muitas empresas foram criadas e mudaram o jogo: HP, Microsoft, Apple, Facebook, entre outras. 

Agora, embora a inovação seja crescente em outros locais do mundo, ainda existe uma concentração de novas tendências que estão crescendo naquele ecossistema. Por isso, nós convidamos alguns brasileiros que moram na região para contar os bastidores do que estão vendo diariamente por lá.

Confira:

1 - Inteligência Artificial

Após anos de construção, a inteligência artificial finalmente está ficando mais acessível aos usuários. Isso foi visível através do ChatGPT, que transformou a indústria de chatbot (ele foi considerado o mais eficaz do mundo, segundo o The Times). Não por acaso, o ChatGPT foi criado por Sam Altman, fundador da OpenAI, no Vale do Silício.

“O ChatGPT é a maior aplicabilidade do uso de inteligência artificial ao consumidor final. Os celulares estão ficando cada vez mais potentes e a expectativa é que, agora, possamos nos comunicar como a I.A assim como falamos com humanos”, conta Felipe Giannetti, sócio da StartSe que mora no ecossistema há cerca de cinco anos.

 

2 - Maior (e melhor) uso de dados

Ao longo do tempo, startups e grandes empresas de tecnologia do Vale do Silício criaram hardwares capazes de coletar dados – como os smart watches focados em saúde, por exemplo. “O impacto da coleta de dados com hardwares específicos e pesquisa num ambiente pós-COVID serão transformacionais”, afirma André Magozo, fundador da Fab Homes.

Agora, a expectativa é de unir dados com a capacidade da inteligência artificial para levar a terceira tendência a seguir…

 

3 - O futuro da saúde: viver 150 anos?

Para Amit Garg, fundador da Tau Ventures, a inteligência artificial pode “injetar tecnologia na saúde pra torná-la mais acessível. Existem vários investimentos tratando de câncer, doenças crônicas e da papelada na saúde”, explica.

E, ainda falando sobre este setor, para muitos bilionários do Vale do Silício (incluindo Bill Gates, fundador da Microsoft, por exemplo), o próximo desafio a ser solucionado é o aumento da expectativa de vida. Agora, empresas estão sendo criadas para isso. 

“Elas estão buscando uma solução para estendermos o nosso tempo de vida biológico, assim como desenvolver métodos mais eficientes e rápidos para que possamos aprender novas habilidades”, conta Alex Dantas, fundador da Circuit Launch.

Laboratório de saúde (foto: Getty)

4 - Cibersegurança

A cibersegurança é uma preocupação importante no mundo inteiro. No entanto, no Vale do Silício, a expectativa é que novas soluções sejam criadas para que ela fique cada vez mais potente e apta a proteger os dados dos usuários em diversos setores.

“Inteligência artificial, sistemas autônomos, Web3, IoT, robotização, automação predial e industrial, etc, estão penetrando de maneira muito acelerada diversas partes de nossas vidas. Para sustentar todas estas tecnologias - que já são realidade e não apenas promessas - precisaremos de sistemas computacionais que assegurem performance, além de muita segurança, já que tudo vira alvo para ataque cibernético! Dito isto, vejo fortes tendências de crescimento em torno de novas soluções computacionais e de cyber security”, explica Wikings Machado, cofundador da Citrino Ventures.

5 - Novos alimentos… De novo

Proteínas feitas de plantas surgiram primeiro no Vale do Silício, impulsionadas por empresas como Impossible Foods e Beyond Meat. Agora, uma nova modalidade desses alimentos está surgindo: a de laboratório, que utiliza células de animais para produzir carnes ou até mesmo gorduras semelhantes.

“A Mission Barns, por exemplo, está criando bacon feito de plantas, mas que a gordura é feita em laboratório, a partir de células de porco. Eles retiraram a célula do porco há cinco anos atrás e o porco continua vivo”, conta Vinicius Oliveira, Product Owner na StartSe.

Se você gostou dessa história e gostaria de visitar o Vale do Silício a negócios, a StartSe University tem uma filial no maior polo de inovação do mundo.

Quer ver de perto todas essas inovações e fazer networking com empresários e executivos das maiores empresas do mundo? Conheça nosso programa internacional no Vale do Silício.

As inscrições para a próxima turma estão abertas, mas as vagas são limitadas. Basta preencher a ficha de aplicação abaixo e aguardar o contato da nossa área de vendas:

>>>>> Inscreva-se AGORA e saiba mais <<<<<



Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Jornalista formada pela Faculdade Cásper Líbero. Apresenta o podcast Agora em 10 na StartSe e também atua na área de Comunidades na empresa. É especialista em inovação, tecnologia e negócios.

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo