Sobre Nós
Para Você

NOVO

Para Empresas
Conteúdos
Eventos
Game Changers
Tools
NOVO

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Tools

NOVO

As ferramentas de inteligência artificial desenhadas para o seu negócio

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Startups brasileiras levantam US$ 174,2 milhões em agosto – 2022 supera 2020

Embora as startups tenham captado, em agosto, volume 80% inferior a agosto de 2021; também já ultrapassaram, no ano, o volume captado em 2020 inteiro. Conheça os detalhes.

Startups brasileiras levantam US$ 174,2 milhões em agosto – 2022 supera 2020

startups-brasileiras-levantam-174-mi-em-agosto-2022-supera-2020 (Foto: GettyImages).

, Head de Conteúdo na Captable

6 min

9 set 2022

Atualizado: 11 jan 2023

Por Victor Marques, da Captable Brasil.

Copo meio cheio ou copo meio vazio? Esse é o dilema enfrentado por quem observa o mercado de Venture Capital no Brasil. Embora as startups tenham captado, em agosto, volume 80% inferior a agosto de 2021; também já ultrapassaram, no ano, o volume captado em 2020 inteiro.

EARLY-STAGE CONTINUA SENDO DESTAQUE

O ano já soma US$ 3,6 bilhões captados, valor menor que os US$ 6,6 bilhões no mesmo período de 2021. Mas, segundo o levantamento, o valor médio das rodadas iniciais apresenta crescimento: o das rodadas pré-seed subiu de US$ 350,6 mil para US$ 788,1 mil, enquanto o das rodadas seed foi de US$ 1,5 milhão para US$ 2,4 milhões.

A queda no volume total captado no ano é reflexo das rodadas de investimento em startups de fase mais avançada – que tiveram queda.

E é possível investir no segmento com R$ 1000, através da Captable.

FINTECHS EM DESTAQUE NOVAMENTE

Ao analisar por segmento, as fintechs ficaram mais uma vez em evidência: captando US$ 97,6 milhões em 12 negociações em agosto. Logo após, aparecem as healthtechs, com 6 negociações, totalizando US$ 47,5 milhões.

Desde 2018 as fintechs se mantêm na liderança do levantamento. As healthtechs vêm ganhando um destaque recente – com visível crescimento do interesse pelo segmento. Em volume captado no ano, as retailtechs se destacam: foram US$ 384,4 milhões levantados até agora.

Entre os destaques de agosto estão as captações da Caju, de US$ 25 milhões, e da Dr. Consulta, de US$ 32,5 milhões. 

M&As COM STARTUPS EM ALTA

Em agosto, ocorreram 14 fusões e aquisições, número menor que as 21 de 2021 no mesmo período. Mas, no ano, permanecem estáveis:  já são registradas 154 operações do tipo, quase alcançando as 155 do ano anterior no mesmo período. O destaque é a aquisição total do iFood pela Movile, por US$ 1,8 bilhão.

POR QUE IMPORTA?

Vale sempre ressaltar: o ano de 2021 foi completamente atípico – e recorde – para investimentos em startups. Ou seja, qualquer métrica comparada ao ano de 2021 faz parecer que o mercado está numa queda mais acentuada que a realidade.

Agosto de 2021, por exemplo, registrou o maior volume captado desde que a série histórica do Distrito iniciou, em 2013. O fato dos “oito primeiros meses de 2022 já superarem o total do ano de 2020, por exemplo, mostra que o mercado de venture capital continuará relevante no país”, avalia Gustavo Gierun, CEO e cofundador do Distrito.

Se você quer ser sócio de empresas inovadoras, conheça a Captable, plataforma de investimento em startups da StartSe. Se quer ficar sabendo em primeira mão de novas oportunidades e entrar na Nova Economia em 2022, participe do grupo exclusivo do Telegram para avisos de novas captações! Se você quer captar conosco, saiba mais e se inscreva no nosso processo de seleção.


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Victor Marques é Head de Conteúdo na Captable, maior hub de investimentos em startups do Brasil, que conecta seus mais de 7000 investidores a empreendedores com negócios inovadores. Escreve há mais de dois anos sobre inovação. Formado em Letras e Mestre em Linguística pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS).

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo