Sobre NósPara Você
Para EmpresasConteúdos
Eventos
Game Changers

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Eventos

Jornadas de conhecimento fomentando o aprendizado dinâmico e inovador em diversos formatos e intensidades

Ver todos

Ainda não temos eventos programados. Mas estamos preparando encontros repletos de inovação para você!

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Artigos
Carreira

‘Sommelier’ de maconha: a profissão que mais cresce nos Estados Unidos

Chamado de ganjier, o profissional é treinado e ganha certificado para ajudar o consumidor a escolher a cannabis mais adequada para ele. Entenda!

‘Sommelier’ de maconha: a profissão que mais cresce nos Estados Unidos

(Foto: Stefan Tomic via Getty Images)

6 min

4 jun 2022

Atualizado: 24 nov 2022

Por Sabrina Bezerra

A carreira de sommelier de vinho ganhou mais destaque com a chegada da pandemia de coronavírus. Mas, outra está virando a profissão do momento nas regiões em que a cannabis é legalizada: ‘sommelier’ de cannabis.

O profissional, chamado de ganjier, é treinado e ganha certificado para ajudar o consumidor a escolher a cannabis mais adequada para ele.

O assunto é polêmico, mas vai ao encontro da legalização da maconha em muitas regiões dos Estados Unidos. Para você ter uma noção, hoje cerca de 34 estados permitem o uso medicinal e cerca de 18 para uso recreativo.

Além disso, a expectativa de movimentação global deste mercado é de US$ 128,92 bilhões em 2028, segundo a Vantage Market Research — e nas mais diversas indústrias: alimentos, agricultura, cosmético, têxtil, entre outras.

Como consequência, começam a surgir os novos profissionais, os sommeliers de cannabis. Porém, antes de destrinchar sobre a nova profissão, uma explicação de termos técnicos: a cannabis é a planta que origina o cânhamo e a maconha. 

E, apesar dos dois terem origem na mesma espécie, o cânhamo é a planta que possui 0,3% ou menos de THC (tetrahidrocanabinol, a substância psicoativa); e a maconha possui 0,3% ou mais.

(Foto: Getty Images)

PROFISSÃO: ‘SOMMELIER’ DE MACONHA

Antes do ganjier, o profissional “budtender” era o especialista no assunto. Mas agora, o ganjier ocupa o seu lugar. O motivo? O profissional também é “legalizado”, com treinamento e certificação para atender os consumidores.

O pioneiro no assunto é o programa Ganjier Council, que oferece certificações ligadas à cannabis por meio de um programa que custa quase US$ 3 mil dólares. 

São 31 aulas online disponíveis — sobre a história da cannabis à avaliação — e, além disso, oferece aulas presenciais realizadas na Califórnia. Os alunos aprendem a avaliar a aparência, o aroma, o sabor e o efeito de uma amostra específica da flor de cannabis.

“Enquanto a indústria do vinho tem sommeliers, a indústria de charutos tem provadores, a indústria do café tem degustadores, até o lançamento do programa Ganjier, nenhum especialista em cannabis existia”, disse Derek Gilman, diretor administrativo do programa.

Foto: Rocky89/Getty Images

POR QUE IMPORTA?

É importante ficar de olho nas movimentações do mercado. Neste caso, a nova profissão surge à medida que a legalização da cannabis acontece — e traz movimentações bilionárias de mercado.

No entanto, por trás, ainda existe preconceito e receio sobre o assunto, mas as movimentações mostram que a cannabis tem saído cada vez mais da clandestinidade e entrando no mundo business e impulsiona o potpreneur, ou empreendedor da maconha em português

Por exemplo, entre 2011 e maio de 2019, os investidores de venture capital investiram cerca de US$ 1,2 bilhão no setor. Este ano, a Ease Labs recebeu aporte de R$ 12 milhões para produzir remédios à base de cannabis no Brasil.

E se existem legalização, negócios e altos investimentos, é preciso de profissionais capacitados. Não à toa o ‘sommelier’ de cannabis vai ganhando espaço nas regiões legalizadas, como em alguns estados americanos.

Banner newsletter StartSe


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo