Sou Aluno
Formações
Imersões
Eventos
Tools
Artigos
Sobre Nós
Para Empresas

Oxygea escolhe seis novas startups para acelerar - e investir R$ 2M

Oxygea escolhe seis novas startups para acelerar - e investir R$ 2M

Oxygea escolhe seis novas startups para acelerar - e investir R$ 2M

, conteúdo exclusivo

4 min

26 jun 2024

Atualizado: 26 jun 2024

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!

Depois de acelerar seis startups no ano passado, e finalizar o ciclo este ano com três investimentos, a Oxygea anunciou a segunda turma de seu programa de aceleração Oxygea Labs. Apesar da previsão da nova turma ter sido de oito startups, novamente foram seis as empresas selecionadas para o novo batch.

As startups escolhidas na nova leva - dentro de um total de 291 inscrições - foram: Carrot, EloVerde, A4 Solutions, Flowls, PixForce e Trackfy. Ao entrar no programa, que vai de junho a dezembro, as selecionadas recebem um incentivo de R$ 75 mil para viabilizar sua participação.

Diferentemente do primeiro ano do programa, a nova turma seguirá uma direção diferente definida pela Oxygea, com uma trilha de formação voltada à captação de investimento. Com isso, as startups terão masterclasses presenciais com nomes conhecidos no ecossistema de inovação brasileiro como Paulo Costa, do Cubo, Anderson Thees, do Itaú, Lívia Brando, da Vox e Rodrigo Baer, da Upload.

Também estão previstas mentorias individuais e apoio para estruturação de pitch deck, revisão da estratégia de produto, modelagem financeira e preparação de documentação necessária para futuras rodadas.

Em linha com esse novo direcionamento do programa, as startups também passam por uma diligência, e podem receber um investimento de R$ 2 milhões cada, por meio de um mútuo conversível ou como parte de uma rodada precificada pelo mercado.

Além das seis startups selecionadas, outras três que já fazem parte do porfólio da Oxygea - Multiledgers, Zaya e Balq - entram como startups convidadas, com o foco em potencializar seus negócios. As três se juntam a trilha de fundraising, mas não recebem o incentivo e o investimento previstos no programa.

Para Artur Faria, CEO da Oxygea, a nova turma do Labs chega para atender a uma dor de muitos founders, que enfrentam cada vez maiores dificuldades em captar investimentos para seus negócios, e o programa representa uma oportunidade de oferecer conteúdos de alta relevância.

"Queremos aproveitar nossa vocação enquanto investidores para oferecer uma jornada especializada no tema. Acreditamos que o acompanhamento individualizado centrado nos desafios dos negócios para captar recursos será essencial para destravar valor para as selecionadas”, pontua o CEO.

Na turma anterior do Oxygea Labs, três startups receberam investimentos de R$ 1,5 milhão cada - a empresa de sensores para IoT Embeddo, Growpack (em que a Oxygea entrou em uma rodada com a Irani Ventures), e a LogShare, entrando em uma rodada de R$ 12 milhões que a logtech fechou recentemente.

Conheça as startups

  • Carrot: rede de blockchain colaborativa que promove transparência e confiabilidade na Economia Circular. Ela ajuda empresas a comprovar sua circularidade e cria ativos ambientais tokenizados, distribuindo valor para os participantes da cadeia de logística reversa.
  • EloVerde: plataforma SaaS B2B que transforma a gestão da sustentabilidade, unindo economia circular e descarbonização das cadeias produtivas. Ela ajuda o mercado a atingir metas ambientais de forma eficiente e lucrativa, convertendo passivos em ativos financeiros valiosos.
  • A4 Solutions: oferece soluções que combinam IoT e IA voltadas para a automação industrial e a segurança no trabalho.
  • Flowls: solução all-in-one para logística que facilita a integração entre sistemas, automatiza tarefas e aprimora a colaboração na cadeia ao centralizar os dados.
  • Pix Force: startup de tecnologia de visão computacional, inteligência artificial e machine learning que transforma dados e imagens em informações que apoiam processos na indústria
  • Trackfy: digitaliza e otimiza a gestão de atividades em operações industriais e canteiros de obra, utilizando IoT, Data Analytics e algoritmos inteligentes para resolver a falta de dados e visibilidade nas atividades diárias das empresas.
  • Multiledgers (convidada): com expertise comprovada na tecnologia de Blockchain, a Multiledgers está focada na tokenização, rastreamento da cadeia de valor e geração de ativos sustentáveis auditados para para apoiar as empresas no alcance de seus compromissos de sustentabilidade
  • Zaya (convidada) - greentech que oferece um software próprio para ajudar empresas a calcular seu impacto ambiental.
  • Balq (convidada): plataforma SaaS que coleta, organiza, armazena e trata dados do processo da indústria de transformação plástica para aprimorar a gestão e trazer ganhos de eficiência à operação.

Gostou deste conteúdo? Deixa que a gente te avisa quando surgirem assuntos relacionados!


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

O mais conceituado portal sobre startups do Brasil. Veja mais em www.startups.com.br.

Leia o próximo artigo

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!