Sou Aluno
Formações
Imersões
Eventos
Tools
Artigos
Sobre Nós
Para Empresas

Nubank levanta US$ 650 mi para crescer no México e Colômbia

A estratégia de expansão do Nubank na América Latina é semelhante ao seu início no Brasil; confira

Nubank levanta US$ 650 mi para crescer no México e Colômbia

Cartões Nubank (foto: divulgação)

Receba conteúdos exclusivos do AGORA

Fique por dentro das últimas novidades e tendências do mercado com nossos conteúdos exclusivos!

Conteúdo exclusivo Startups

O Nubank acaba de engordar o caixa para acelerar sua presença no México e Colômbia. O banco digital levantou uma linha de crédito de US$ 650 milhões, a ser investido no fortalecimento da marca nos dois países, onde opera sob o nome “Nu”.

Os recursos vêm de uma linha de três anos bancada por Morgan Stanley, Citi, Goldman Sachs e HSBC, instituicões que participaram no IPO do Nubank em dezembro de 2021, no qual a empresa captou aproximadamente US$ 2,8 bilhões.

Conforme destacou o Nubank em comunicado, o financiamento será investido em três áreas principais: desenvolvimento de tecnologia e inovação de produtos, crescimento da base de clientes e atração dos melhores talentos da região.

Apesar de não dar maiores informações sobre os próximos passos nos dois mercados, uma possibilidade é que os próximos passos sejam os mesmos que a empresa deu no Brasil, incluindo serviços como conta corrente. No México e Colômbia a empresa por enquanto só trabalha com cartões de crédito, mais ou menos como o começo dela por aqui.

“Estamos trabalhando expressamente para nos tornarmos líderes do setor. Crescemos a um ritmo intenso e esta linha de crédito regional nos permite continuar avançando mais rapidamente em nosso objetivo de combater a burocracia para empoderar nossos clientes”, disse Catalina Bretón, gerente geral do Nu Colômbia.

por-que-o-nubank-investiu-135-milhoes-de-dolares-na-operacao-do-mexico

Evolução na América Latina

O Nubank anunciou suas investidas no México e Colômbia ainda em 2020 – apenas na operação mexicana o banco anunciou um investimento de US$ 135 milhões para impulsionar negócios e conquistar clientes.

Embora a fintech não divulgue muitos detalhes sobre o crescimento em cada país, ela revela que o Nu México fechou 2021 com 1,4 milhão de clientes, representando um crescimento de 1.243% ano a ano.

Já na Colômbia, no final de 2021 e com apenas 11 meses desde a entrega do primeiro cartão, o Nu chegou à marca de 114 mil clientes, um crescimento de quase três vezes no último trimestre do ano. Além disso, a companhia está trabalhando na construção de um centro de engenharia, produto e ciência de dados no país.

Só para dar um contexto histórico – e se você quiser fazer algumas contas – lá em 2014, quando o Nubank surgiu no Brasil, a empresa fechou seu primeiro ano com a marca de 400 mil clientes.

Agora falando de números gerais, em fevereiro o neobanco chegou a um total de 53,9 milhões de clientes no Brasil, México e Colômbia, e nesta base, 41,1 milhões são clientes ativos.

O foco nos três países tem um motivo bem evidente: juntos eles representam 60% do PIB e da população da América Latina.

“O rápido crescimento que vimos no México e na Colômbia superou nossas expectativas mais ambiciosas. Estamos redobrando nosso compromisso no México e na Colômbia para continuar crescendo e gerando impacto local positivo por meio da inclusão financeira de milhões de latino-americanos”, disse David Vélez, CEO e fundador do Nubank.

Banner newsletter StartSe

Gostou deste conteúdo? Deixa que a gente te avisa quando surgirem assuntos relacionados!


Assuntos relacionados

Leia o próximo artigo

Receba conteúdos exclusivos do AGORA

Fique por dentro das últimas novidades e tendências do mercado com nossos conteúdos exclusivos!