Sobre Nós
Para Você

NOVO

Para Empresas
Conteúdos
Eventos
Game Changers
Tools
NOVO

Para Você

Avance na carreira e renove seus conhecimentos na mesma velocidade que o mundo muda: na do AGORA

Ver todos

Cursos

Certificações internacionais inovadoras que trazem o que há de mais atual em gestão para um mundo em transformação

Imersões

Imersões executivas presenciais nos mais avançados polos de inovação e empreendedorismo do mundo

Tools

NOVO

As ferramentas de inteligência artificial desenhadas para o seu negócio

Conteúdos

Conteúdo diário sobre inovação, empreendedorismo e os temas mais relevantes do AGORA para que você não perca nada


Marketing para varejo: como lidar com esse desafio

Minimercados, padarias, farmácias… esses segmentos precisam se comunicar com seus clientes e atualizar suas ofertas diariamente, mas enfrentam dificuldade na criação e divulgação online e offline. Como democratizar o marketing? Entenda.

Marketing para varejo: como lidar com esse desafio

marketing-varejo-desafio (Foto: GettyImages).

Por Victor Marques, da CapTable Brasil.

Vender seus produtos na era digital é um desafio para qualquer empresa. Para quem precisa misturar mídia offline com digital, o problema é maior ainda. Imagine um mercado de bairro, uma padaria ou um varejo pequeno tentando produzir folhetos diários de oferta, posts no Instagram ou Facebook e patrocinar as publicações de seu negócio para alcançar mais pessoas. 

Um desafio e tanto.

Claro, é possível contratar uma agência de marketing para melhorar o design e a estratégia de impulsionamento dos conteúdos, mas, por geralmente possuírem muitos clientes, tais agências não conseguiriam entregar na agilidade que o pequeno varejista precisaria para atualizar, por exemplo, preços de promoção diariamente. E, dependendo do tamanho do negócio e da quantidade de materiais necessários, o valor também é um impeditivo.  

O problema do custo também é encontrado quando os gestores querem criar uma equipe interna ou, até mesmo, apenas um especialista, para produzir os materiais de marketing. O custo de manter um profissional da área pode não ser uma solução viável.

O tamanho do problema é visível, mas o da oportunidade também: segundo a última pesquisa do SEBRAE, somente os minimercados somam 415 mil estabelecimentos, movimentando 6% do PIB brasileiro e representando 35% das vendas do setor de supermercados. O grande problema está na comunicação com o cliente: 36% utilizam folhetos impressos, 20,5% anúncios em rádio e jornal e mais de 40% não fazem nenhum tipo de esforço de marketing.

A DATASALES

Observando a necessidade do varejo de atrair clientes e garantir a recompra na loja, a Datasales se propôs a democratizar o acesso ao marketing. Logo no princípio, a startup identificou que as grandes dores dos varejistas estão na criação e distribuição dos materiais. Até então, não havia uma forma rápida de criar peças com frequentes atualizações de preço e que atendesse diferentes meios pelo qual o varejista entra em contato com seus clientes: jornal, cartaz, etiqueta, folheto, mídia indoor, impressões, carro de som, listas de transmissão e TVs internas.

Para solucionar o problema, sem depender de uma equipe de marketing interna ou de uma agência – com perda de autonomia – a Datasales criou uma plataforma de automação de marketing para o varejo, completamente no-code, no-design e no-ads. Ou seja, não é necessário ser um designer, gestor de tráfego ou desenvolvedor para criar os materiais.

A plataforma cria automaticamente a arte para ser distribuída nos canais digitais e offline: imprime, posta nas redes sociais, envia no WhatsApp e até impulsiona no Facebook Ads sem necessitar qualquer conhecimento de marketing digital, bastando adquirir créditos que equivalem a dias de impulsionamento, sem complicação. 

Para ir ainda além, a startup também oferece um CRM para varejo, que inclui programa de fidelidade, entendimento do perfil de consumo dos clientes, recomendação de produtos para colocar em oferta – através de inteligência artificial – cashback inteligente, criação de site institucional, e-commerce e app (para divulgar ofertas e vender online). 

datasales-comenta-sobre-dificuldades-reais-enfrentadas-por-seus-clientes-antes-de-utilizar-seu-servico (Foto: Datasales/Divulgação).

POR QUE IMPORTA?

Democratizar o acesso ao marketing é uma missão e tanto: não é raro ver empreendedores da área querendo se inserir nas mídias sociais – criando anúncios ou apenas produzindo materiais visualmente atraentes para seus comércios –, mas que esbarram em dificuldades com as ferramentas, falta de tempo para gerir essa área, pouco recurso para contratar equipe especializada ou pessoas responsáveis pela área que não atendem a necessidade total.

A plataforma da Datasales soluciona isso ao entregar um estúdio de design que já prepara o material para ser distribuído de diversas maneiras e elimina a necessidade do conhecimento de design, programação ou conhecimento sobre anúncios on-line.

Com sua ferramenta oferecendo baixo atrito de implementação, possibilidade de contratar o CRM para evoluir o negócio, crescimento de 20% ao mês e receita anual recorrente (ARR) de R$ 1,2 milhão, a Datasales agora está buscando sócios através da CapTable, a plataforma de investimento em startups da StartSe. Confira a oferta completa.


Abra sua cabeça para as novas oportunidades!

Cadastra-se e receba diariamente o resumo do que importa com a análise do time StartSe!

Leia o próximo artigo