Sou Aluno
Formações
Imersões
Eventos
Tools
Artigos
Sobre Nós
Para Empresas

LG vai encerrar operações no mercado global de celulares - entenda o motivo

A empresa vai se concentrar em outras áreas, como: casas inteligentes, dispositivos conectados, inteligência artificial, robótica e componentes para veículos elétricos.

LG vai encerrar operações no mercado global de celulares - entenda o motivo

LG (Foto: David Becker / Correspondente via Getty Images)

, jornalista

5 min

5 abr 2021

Atualizado: 19 mai 2023

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!

Por Sabrina Bezerra

A LG (LG Electronics Inc.) anunciou nesta segunda-feira (05/04) que vai encerrar suas operações no mercado de celulares em todo o mundo. O motivo? A empresa quer se concentrar em outros setores, como casas inteligentes, dispositivos conectados, inteligência artificial, robótica e componentes para veículos elétricos

“Espera-se que a desaceleração do negócio de telefonia móvel seja concluída até 31 de julho, embora o estoque de alguns modelos existentes ainda possa estar à venda após esse período”, disse a empresa em nota. Sobre o emprego dos trabalhadores, a LG afirma que será avaliado em nível local.

Logo LG (Foto: Getty Images)

LG X CONCORRENTES

O encerramento das operações surge após a LG perder participação para os concorrentes do segmento. A empresa até tentou lançar uma série de dispositivos diferentes nos últimos tempos, como o LG Wing, smartphone de duas telas e com mecanismo giratório; e o LG G5 com design modular. Mas sem sucesso. Nenhum desses recursos foram suficientes para transformar os smartphones em sucesso popular. Além disso, os aparelhos mais tradicionais da empresa ficaram atrás de seus rivais principalmente no quesito câmera. 

A LG se junta a uma longa lista de fabricantes de dispositivos de alto nível que desistiram dos smartphones ao longo dos anos, embora muitas das marcas tenham permanecido em dispositivos feitos por fabricantes terceirizados. A marca voltada para o consumidor da Nokia vive em cima de aparelhos feitos pela HMD, enquanto a marca da Blackberry foi inicialmente usada pela TCL e deve retornar este ano em um dispositivo feito pela OnwardMobility. Há também a HTC, que ainda vende alguns aparelhos diferentes, mas vendeu a maior parte de seu IP para o Google em 2017. Quem será o próximo da lista? Vamos acompanhar! 

MERCADO DE CELULARES

Apesar do anúncio da LG, o mercado de celulares está a todo vapor. Segundo relatório da Gartner, as vendas mundiais de smartphones crescerão 11% em 2021 — crescimento de 11% a mais em comparação com 2020. Além disso, 35% do total de itens vendidos serão de modelos 5G.

“Em 2020, os consumidores reduziram os gastos com smartphones, mas a disponibilidade de novos produtos, verão os usuários aumentarem significativamente a demanda em 2021”, disse Anshul Gupta, diretor de pesquisa sênior do Gartner.  

Confira abaixo a tabela de vendas mundiais de smartphones por região entre 2019 e fevereiro de 2021:

tabela de vendas mundiais de smartphones por região entre 2019 e fevereiro de 2021 (Divulgação Gartner)

Gostou deste conteúdo? Deixa que a gente te avisa quando surgirem assuntos relacionados!


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

Sabrina Bezerra é jornalista especializada em carreira e empreendedorismo. Tem experiência há mais de cinco anos em Nova Economia. Passou por veículos como Pequenas Empresas e Grandes Negócios e Época NEGÓCIOS.

Leia o próximo artigo

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!