Sou Aluno
Formações
Imersões
Eventos
Tools
Artigos
Sobre Nós
Para Empresas

Kaizntree quer acabar com o caos do inventário de pequenos empreendedores

Kaizntree quer acabar com o caos do inventário de pequenos empreendedores

Kaizntree quer acabar com o caos do inventário de pequenos empreendedores

, conteúdo exclusivo

4 min

3 jul 2024

Atualizado: 3 jul 2024

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!

O pequeno empreendedor que fabrica o próprio produto que vende, seja em sua casa ou em um armazém, ainda sofre com a gestão do inventário de seu estoque - mesmo que a quantidade de itens não seja exorbitante. Pensando em simplificar o mapeamento e controle das vendas de pequenos empresários, chega ao mercado a Kaizntree.

A startup foi fundada em maio/23 pelos colegas de faculdade Benoît Van Keer e Marcos Brisson, em Palo Alto, na Califórnia, onde se estabeleceram para poder participar do programa de aceleração da 500 Global, uma das maiores aceleradoras e investidoras do Vale do Silício, que inclusive aportou um valor não divulgado na Kaizntree

“O primeiro ano de operação foi dedicado a testes com um protótipo open source e coleta de feedbacks de clientes. Em um ano de protótipo, gerenciamos mais de R$ 10 milhões em vendas de pequenos empreendedores americanos”, conta Benoît em conversa com o Startups. Sim, o foco são clientes nos EUA, mas os fundadores planejam levar sua tecnologia ao Brasil nos próximos dois anos.

Com o protótipo validado, os jovens partiram para o desenvolvimento da plataforma, ou melhor, o redesenho da solução, agora com IA embarcada e muito mais robusta e segura. A criação da versão final do software levou apenas três semanas.

Benoît Van Keer, co-fundador e CPO da Kaizntree (Foto: Divulgação)

Colocando ordem na casa

O software da Kaizntree usa IA para simplificar e otimizar a gestão de inventário de pequenos fabricantes. A plataforma permite ao empreendedor ter uma visualização clara do número de produtos produzidos e vendidos, notificando-o quando é o momento de fazer a reposição. Se antes o vendedor levava no mínimo 30 horas semanais para fazer a integração de todos os dados de seu estoque, com a tecnologia da startup esse processo é feito em menos de 30 minutos.

“O pequeno empreendedor que não faz o controle de seu estoque não consegue planejar as vendas dos próximos meses. Isso resulta geralmente no que chamamos de overstocking (quando você fabrica demais e não vende tudo) ou understocking (quando os clientes querem comprar seu produto, mas não tem quantidade suficiente no estoque”, explica Benoît.

Questionado sobre a similaridade da plataforma com um software ERP, o fundador explica que trata-se de uma outra proposta. O foco da Kaizntree está em pequenos fabricantes, que produzem e vendem seus produtos em casa mesmo e controlam eles mesmos sua produção. Já ERPs do mercado geralmente atendem médias e grandes empresas, conectando diferentes áreas do negócio.

Antes de partir para uma estratégia mais agressiva de mercado, o fundador afirma que o movimento da Kaizntree agora é de certeza que o seu produto é exatamente o que o cliente quer. “Tem que ser uma coisa que ele tá gostando de usar mesmo. E não ‘preciso porque não tem outra escolha’. Com essa aprovação, daí sim partiremos para o ganho de escala”, finaliza.

Ficou curioso (a) com o nome da startup? Ele vem da junção de “Kaizen”, palavra japonesa que significa melhoria contínua, e “tree”, árvore em inglês, é um símbolo de crescimento. Por isso, Kaizntree deriva da missão de capacitar os empresários para o crescimento dos seus negócios.

Gostou deste conteúdo? Deixa que a gente te avisa quando surgirem assuntos relacionados!


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

O mais conceituado portal sobre startups do Brasil. Veja mais em www.startups.com.br.

Leia o próximo artigo

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!