Sou Aluno
Formações
Imersões
Eventos
Tools
Artigos
Sobre Nós
Para Empresas

Com Tech Trends, Prefeitura de SP quer se tornar agente da inovação; entenda

Com evento e medidas de desburocratização, secretaria do município quer se posicionar como fomentador do ecossistema local

Com Tech Trends, Prefeitura de SP quer se tornar agente da inovação; entenda

São Paulo (Imagem: Pexels)

, conteúdo exclusivo

5 min

24 jun 2024

Atualizado: 25 jun 2024

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!

A Prefeitura de São Paulo está determinada a subverter a lógica comum na relação entre o poder público e as startups, e se colocar como um agente fomentador da inovação em seu município, em vez de ser um entrave com as burocracias frequentes do setor. 

  • Para marcar este novo posicionamento, ela vai reunir o segmento no evento Tech Trends, que acontece esta terça (24) e quarta (25).

A ser realizado no no Expo Center Norte, o Tech Trends SP vai proporcionar um ambiente de negócios integrado e conteúdos relevantes com grandes nomes do setor público e privado. 

O evento apresentará trilhas temáticas que são tendência na atualidade, como inteligência artificial, cibersegurança, data, cloud, gamificação e govtech.

"É um evento que serve como o ponto de referência para diversas ações estratégicas que estamos fazendo, mostrando como a prefeitura está se posicionando de forma proativa para estimular o ecossistema de startups local", explica Humberto Silva, secretário adjunto da Secretaria Municipal de Inovação e Tecnologia (SMIT) da Prefeitura de SP, em conversa com o Startups.

Sobre as tais iniciativas encabeçadas pela prefeitura, Humberto cita o exemplo da SPNegócios, agência de promoção de investimentos e exportações vinculada por cooperação à secretaria, que segundo ele tem o papel de mapear demandas do setor e levar ao mercado, fazendo conexões e ações de fomento em áreas de interesse.

Entretanto, além de promover o evento, um dos focos do Tech Trends é também marcar a prefeitura como um consumidor de tecnologia privada, criando mecanismos para facilitar estes processos e inclusive gerando exemplo para outros municípios fazerem o mesmo. 

"Não é um evento que se encerra em si. Ele inicia uma jornada de todos se apresentarem e buscarem soluções em conjunto, com o apoio do poder público", avalia.

Desburocratizando a inovação

Um dos principais anúncios reservados para o Tech Trends é um pacote de medidas de desburocratização da prefeitura paulistana na compra de soluções inovadoras.

 "Criamos um tripé para apoiar e criar marcos regulatórios, criando ferramentas jurídicas para que startups levem suas soluções para o setor público", revela Humberto.

Perguntado se a nova medida abre oportunidades para startups e soluções específicas, Humberto disse que o foco no momento é abrir caminho para todo tipo de solução, atendendo a diversas demandas das secretarias. 

"Quem tem dor vai buscar a solução, e agora quem tem essas soluções terá o caminho mais facilitado para vender e resolver essa dor", pontua o secretário.

Além disso, juntamente com as medidas de desburocratização, a capital paulista também vai colocar em andamento o há tempos falado programa de sandbox regulatório, que permitirá que startups rodem, em modelo de teste, soluções inovadoras para o município. 

Apesar de já ter sido aprovada há alguns meses pela câmara local, a SMIT esperou para lançar de fato a novidade.

"Esperamos para lançar o sandbox junto com as mudanças na legislação de compras, até para não gerar frustração com as startups. Não adiantaria em nada ter uma startup rodando seu piloto, se não tivesse uma segurança jurídica que permite a potencial compra da solução mais na frente", destaca Humberto.

Gostou deste conteúdo? Deixa que a gente te avisa quando surgirem assuntos relacionados!


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

O mais conceituado portal sobre startups do Brasil. Veja mais em www.startups.com.br.

Leia o próximo artigo

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!