Sou Aluno
Formações
Imersões
Eventos
Tools
Artigos
Sobre Nós
Para Empresas

Saiba mais sobre os pagamentos offline, tecnologia que está sendo testada pela Caixa, Elo e Microsoft

Saiba mais sobre os pagamentos offline, tecnologia que está sendo testada pela Caixa, Elo e Microsoft

Caixa, Elo e Microsoft testam tecnologia de pagamentos offline

, conteúdo exclusivo

4 min

28 jun 2024

Atualizado: 1 jul 2024

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!

O uso de dinheiro em espécie é coisa do passado para a maioria das pessoas nos centros urbanos, mas há diversas cidades no interior do país onde as maquininhas de cartão não chegam porque há dificuldade de acesso à internet.

A solução pode estar no sistema de pagamentos offline que está sendo desenvolvido pela Caixa, em parceria com a Elo e a Microsoft, e que foi apresentado nesta quinta-feira (27) no Febraban Tech.

As três empresas já finalizaram a primeira rodada de testes da nova tecnologia. A próxima etapa está programada para agosto e será realizada nas duas agências-barco da Caixa, no Norte do país. A agência Ilha do Marajó, que atende às populações ribeirinhas do Pará, e a agência Chico Mendes, que navega pelo trecho entre Manaus e Coari, no Amazonas.

Leia também: 5 Minutos com Giancarlo Greco, CEO da Elo

Em nota, a Caixa informou que, na tecnologia que está sendo testada, o cliente faz o pagamento através de crédito dos valores em um cartão pré-pago. 

Ou seja, quando a pessoa utilizar o cartão em maquininhas de crédito ou débito, a máquina receberá as informações de forma offline e, quando estiver conectada à internet, o débito dos valores será automaticamente contabilizado no banco do vendedor e no saldo do consumidor.

O objetivo é facilitar o recebimento e a utilização dos benefícios sociais pagos pela Caixa, como Bolsa Família, FGTS e seguro-desemprego, em ambientes sem acesso à internet ou rede móvel. 

No entanto, a Caixa destaca que o pagamento offline também pode trazer vantagens comerciais, como a realização de transações sem depender da disponibilidade de dados em planos de telefonia; em eventos onde o número de pessoas aglomeradas no mesmo espaço prejudica a conectividade dos participantes; e a compra e venda de produtos e serviços em locais sem rede por motivo temporário (voos, barcos ou estacionamentos subterrâneos).

"Isso vai trazer um grande benefício para regiões mais remotas e pouco assistidas, o que facilitará significativamente o pagamento de benefícios sociais a essas localidades, por exemplo. A utilização da tecnologia também ajuda a criar novos produtos e oportunidades de negócios para todos os segmentos do banco, trazendo facilidades e benefícios aos clientes da Caixa", disse o vice-presidente de Finanças e Controladoria do banco, Marcos Brasiliano.

Além da parceria nesse projeto, a Caixa, a Elo e a Microsoft também formaram um consórcio para participar do projeto piloto do Real Digital, de iniciativa do Banco Central. As entregas, ainda em ambiente de testes, incluem a configuração da infraestrutura e conexão à rede DLT do piloto Real Digital, emissão do Real Digital e do Real Tokenizado e emissão de títulos públicos federais tokenizados.  

Gostou deste conteúdo? Deixa que a gente te avisa quando surgirem assuntos relacionados!


Assuntos relacionados

Imagem de perfil do redator

O mais conceituado portal sobre startups do Brasil. Veja mais em www.startups.com.br.

Leia o próximo artigo

newsletter

Start Seu dia:
A Newsletter do AGORA!