Com aporte de US$ 500 milhões, healthtech atinge valuation de US$ 7,5 bilhões

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

5 de fevereiro de 2018 às 15:43 - Atualizado há 3 anos

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

As startups de saúde têm sido responsáveis em trazer novas tecnologias e soluções para tornar processos mais fáceis, a saúde mais acessível e os funcionários ainda mais eficazes. Essas startups são chamadas de “healthtech”.

Uma das maiores startups de healthtech dos Estados Unidos – que já é conhecido por ter as startups mais valiosas do mundo – é a Moderna Therapeutics, que desenvolve remédios experimentais para doenças como câncer através do RNA.

A Moderna Therapeutics levantou US$ 500 milhões em capital, trazendo o valuation de US$ 7,5 bilhões para a startup. Entre os novos investidores, estão inclusos nomes como Sequoia Capital China, Abu Dhabi Investment Authority e Julius Baer.

[php snippet=5]

“No ano passado, demonstramos habilidade de escalar nossa plataforma e introduzir novos candidatos de desenvolvimento em várias modalidades de doenças, incluindo oportunidades promissoras em doenças raras, imunologia e doenças cardiovasculares e infecciosas”, disse Stéphane Bancel, CEO da startup.

Segundo comunicado da empresa, o aporte será utilizado para continuar os testes clínicos realizados pela startup, inclusive nos 10 programas já existentes. A Moderna Therapeutics também focará na descoberta de remédios inovadores e vacinas para doenças raras, além de continuar o investimento na ciência do RNA e na infraestrutura digital da empresa.

A Moderna Therapeutics está inovando no setor ao afirmar que remédios podem ser criados para humanos a partir de suas próprias moléculas. Para conhecer outras soluções trazidas pelas healthtechs, leia este e-book que preparamos com as maiores inovações da área.