Startup quer trocar todo o asfalto por plástico (e isso muda muita coisa)

Da Redação

Por Da Redação

17 de julho de 2015 às 12:22 - Atualizado há 5 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

SÃO PAULO – Já pensou em substituir todo o asfalto das cidades e estradas por plástico? Essa é a ideia de uma startup holandesa chamada VolkerVessels, que estuda uma forma de fazer essa troca nos próximos anos – e acredita que o plástico tem muitas qualidades frente ao tradicional asfalto. 

Um ponto interessante de se notar é que as novas rodovias, feitas de plástico reciclado, não teriam buracos: assim, não danificariam o seu carro, faria com que ele durasse mais e teria impacto até no preço dos seguros, que seriam menores por conta disso.

Há outras diversas vantagens de substituir o asfalto por plástico: a primeira é o tempo de construção de uma nova rodovia, que passa a ser de semanas e não mais meses. Além disso, não precisa de manutenção, é leve, podem aguentar temperaturas extremas, são ajustáveis e podem durar até três vezes mais do que o asfalto tradicional. 

A parte de baixo do plástico também pode ser usada para passar fios, canos e para armazenar água de chuva. O pneu passando por cima do plástico também faria muito menos barulho do que por cima do asfalto. 

O protótipo da empresa agora será testado para condições climáticas adversas, como chuva e neve. Depois disso, será introduzido na cidade holandesa de Rotterdam.