Startup permite maior visibilidade para quem trabalha no setor de beleza

Clientes encontram diversos profissionais de beleza e bem-estar, comparam qualificações e preços e agendam os serviços em salões ou em domicílio

Avatar

Por Juliana Américo

31 de março de 2015 às 09:40 - Atualizado há 5 anos

SÃO PAULO – Nova startup permite que clientes e profissionais de beleza se encontrem através de um catálogo virtual de portfólios.

Na Vaniday os usuários podem, pelo website ou pelo smartphone, consultar o trabalho dos profissionais e recomendações dadas por outros clientes, além de agendar diretamente com esses profissionais o serviço desejado.

Já são mais de 1.000 profissionais em São Paulo e outras capitais brasileiras, incluindo cabeleireiros, maquiadores, manicures, depiladoras, massagistas, esteticistas, professores de yoga e pilates, e até mesmo tatuadores.

“Nossa ambição é ajudar qualquer pessoa a encontrar um serviço de beleza e bem-estar, onde estiver, a qualquer momento, seja para realizá-lo em um salão ou em domicílio”, explica o cofundador e CEO global da Vaniday, Maxime Legardez. “A plataforma possibilita o agendamento de serviços de beleza e bem-estar tão facilmente como reservar um quarto de hotel, comprar uma passagem aérea ou pedir um táxi pelo smartphone”.

Dados da Euromonitor 2013 mostram que o Brasil é o terceiro maior mercado consumidor de produtos de higiene pessoal e beleza do mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e Japão.

Além disso, o mercado brasileiro de beleza em 2012 correspondia a US$ 42 bilhões, o que representa 58% do mercado latinoamericano. Sem falar que existem aproximadamente 400.000 salões de beleza formalmente registrados no Brasil e estima-se que este número chegue a 1 milhão se for considerado também os salões informais, segundo dados divulgados, em 2013, pelo Sebrae.