Startup de healthtech te ajuda a parar de fumar através de aplicativo

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

15 de fevereiro de 2018 às 16:01 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Parar de fumar é, frequentemente, uma luta para muitos fumantes. Por isso, acessórios como cigarros eletrônicos (para controlar o nível de nicotina), adesivos e chicletes com a mesma substância foram inventados. Além desses dispositivos, programas de aconselhamento são feitos por governos todos os anos. Agora, com a startup QuitGenius, a tecnologia pode ser mais uma aliada nessa luta.

A QuitGenius é uma healthtech – startup de saúde -, acelerada pela Y Combinator, uma das maiores aceleradoras do Vale do Silício. A startup atua como um coach para ajudar que o usuário pare de fumar. A iniciativa de criar a startup surgiu quando os fundadores Yusuf Sherwani, Maroof Ahmed e Sarim Siddiqui se conheceram na faculdade de medicina e viram em uma clínica o quanto fumar afeta a saúde dos pacientes.

Os empreendedores utilizam terapia cognitiva comportamental para auxiliar os pacientes. A startup afirma que apenas nos Estados Unidos há 40 milhões de fumantes e 70% desejam parar com o vício, mas apenas 3% têm sucesso.

A terapia surge analisando os pensamentos, sentimentos e o comportamento dos fumantes. “O que você pensa e sente pode afetar a maneira como se comporta. A terapia foca em substituir quaisquer pensamentos e sentimentos negativos que podem ser o gatilho para fumar, em pensamentos mais positivos e saudáveis que ajudarão a parar de fumar”, disse Maroof Ahmed, COO da startup, ao TechCrunch.

A QuitGenius utiliza vídeos, áudios e exercícios interativos para ajudar as pessoas a entenderem como o cigarro as afeta e como parar. Isso significa não parar de fumar imediatamente – o que nem sempre é uma medida efetiva -, mas entender suas próprias razões e necessidades.

A QuitGenius interage com os usuários através de um aplicativo. O primeiro passo dos fumantes é dizer porque começaram a fumar e tentar identificar gatilhos. Em segundo lugar, são informados como a nicotina afeta o corpo e mente dos fumantes para prepará-los para o que possam sentir quando estão tentando parar.

Além disso, a startup ainda esclarece afirmações errôneas da substância, como “a nicotina reduz o meu estresse”, pois na realidade a nicotina age como estimulante.

Somente após todas essas informações é que os usuários do aplicativo são convidados a declarar uma data para iniciarem o procedimento e realmente pararem de fumar. Até chegar o dia, os usuários podem assistir vídeos e ouvir áudios de como se preparar.

O quinto e último passo do aplicativo é destinado a manter os avanços já realizados até então, para evitar que o usuário volte a fumar. Todo esse serviço do aplicativo custa US$ 4 dólares por mês, mas para quem deseja um acompanhamento ainda maior, a startup oferece o “Quit Genius Gold” por US$ 15 dólares – um suporte de um Quit Coach em qualquer momento.

Fora do passo a passo, o aplicativo ainda oferece um “Smoking Diary”, para que os usuários anotem todos os cigarros consumidos para identificar padrões, e a “Coping Toolbox”, no qual realizam exercícios de relaxamento para os momentos de fraqueza.

Uma pesquisa feita no Imperial College London revelou que 36% dos usuários do Quit Genius realmente pararam de fumar, e os que não pararam de fumar enxergaram uma redução de 69% na quantidade de cigarros consumidos. É um indício que a tecnologia está impactando cada vez mais na vida das pessoas, mudando rotina e ajudando a melhorar a saúde. Para conhecer como a tecnologia está revolucionando a medicina e a saúde, leia o nosso e-book gratuito.

(Via TechCrunch)

[php snippet=5]