Startup alemã aposta no crescimento de pagamentos móveis no Brasil

Avatar

Por Paula Zogbi

29 de outubro de 2015 às 15:51 - Atualizado há 5 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

Apesar de os pagamentos com cartões de crédito e débito serem cada vez mais comuns, mas, de acordo com o Sebrae, uma em cada quatro vendas em pequenos negócios são perdidas pela não-aceitação de cartões. As máquinas de pagamento móvel, sem taxas, focam nessas pequenas e médias empresas para tentar reverter esta situação.

Nesse cenário, a startup alemã SumUp, atualmente líder mundial no negócio de pagamentos móveis, vem investindo com força no mercado brasileiro, e já conseguiu 200 mil clientes.

De acordo com o diretor executivo da empresa no país, Igor Marchesini, “o pequeno comerciante [brasileiro] já entende as vantagens de aceitar cartão – ele só precisa de uma solução fácil de usar, sem burocracia e que caiba no bolso”. A SumUp aposta em uma estratégia completamente digital: o cadastro é realizado virtualmente e os pagamentos parcelados são pagos antecipadamente de maneira automática, de acordo com a empresa.

Para os empreendedores, os produtos da SumUp vêm em dois formatos: a maquininha Chip (R$89), que só aceita cartões de crédito; e a versão Top, que passa as opções de crédito e débito e pode ser paga em 12 vezes de R$34,90. Não há cobrança de mensalidade nem contrato de fidelização. As taxas cobradas por transações podem ser consultadas pelo site da companhia.

A tecnologia funciona quando conectada a um smartphone e não há mensalidades. Também não há necessidade de possuir um CNPJ para usar este tipo de forma de pagamento.

Presente em 14 países, a companhia tem como investidores o banco espanhol BBVA, o Groupon e a American Express, entre outros.