Snoop Dogg faz investimento em startup de delivery (advinha do que?)

Avatar

Por Júlia Miozzo

16 de abril de 2015 às 14:03 - Atualizado há 6 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

SÃO PAULO – Já parou para pensar em uma startup que segue a tendência do delivery sob demanda, mas que não entrega comidas e não leva táxis a você, mas sim maconha? Essa é a Eaze, a startup que levantou US$ 10 milhões de investidores que incluem a DCM Ventures, 500 Startups, Fresh VC e a Casa Verde Capital, de ninguém mais que Snoop Dogg.

Para fazer as entregas, a empresa se conecta com os pacientes de maconha medicinal da Califórnia com os dispensários que a provém. A promessa da Eaze é de que a erva é entregue em até dez minutos, de acordo com o Business Insider.

Cadastre sua startup no StartSe e fale com milhares de investidores, mentores, aceleradoras e fundos de investimento. Acesse www.startse.com.br. É gratuito!

Fundada por Keith McCarte, antigo funcionário da Yammer, a startup é uma das muitas no “boom” da categoria da maconha, já que os investidores competem para conseguir acordos logo após a legalização da droga. Recentemente, o Alaska, Washington, DC, Colorado e estado de Washington aprovaram o uso recreativo da maconha.

Anteriormente, a Privateer Holdings tinha levantado uma rodada de US$ 74 milhões em financiamentos apenas para startups de maconha – o maior investimento privado no mercado legal de maconha até agora. Já são mais de doze as startups que oferecem serviços de entrega de maconha, como a Dave, Meadow, Grassp e Nestdrop.