Quer pagar muito menos em produtos para cabelo? No Brasil há um serviço…

Avatar

Por Júlia Miozzo

17 de julho de 2015 às 11:16 - Atualizado há 5 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

SÃO PAULO – Seguindo a linha dos clubes de assinaturas, a My Care Box foi fundada em agosto de 2014 com uma abordagem única em todo o mundo: o cliente assina um tratamento personalizado para seu cabelo com produtos profissionais.

Inscreva-se já no curso Encantando Investidores e Aceleradoras e saiba como conquistar o sucesso! Garanta sua vaga! O número é bastante limitado.

Quando estiver fazendo o registro, o cliente responde um questionário sobre características de seu cabelo que, depois de analisado sobre um cosmetólogo, um cabelereiro e um tricologista, vai resultar em um kit com três produtos de tratamento capilar personalizados. Já na primeira entrega, a assinante recebe um envelope para enviar amostras de seu cabelo a serem analisadas para ter um tratamento ainda mais específico.

Segundo o empreendedor Diego Faria, 25, fundador da My Care Box, a inspiração veio de sua irmã, que tinha muitos produtos para cabelo – primeiro porque os shampoos e condicionadores “viciavam” quando usados por muito tempo e, segundo, porque às vezes não eram bons para o cabelo. “Depois, pesquisando sobre clubes de assinatura, me veio a ideia de criar um específico de produtos de cabelo profissionais. Comprar produtos com profissionais acabaria com esses problemas”, explicou Diego.

A startup se diferencia por não entregar os produtos em tamanho miniatura, como os demais clubes, e por ter kits diferentes para cada cliente. “Nós oferecemos um tratamento exclusivo, acho que isso nos difere”, comentou o fundador. Apesar dos tratamentos serem específicos, o liente pode escolher um entre os três tipos de plano, que variam de preço e marcas de produtos – e podendo assinar bimestralmente, onde os produtos são enviados de 2 em 2 meses. O plano Classic custa R$ 99 por mês ou R$ 50 bimestrais; o plano Premium, R$ 169 ou R$ 85 bimestrais; e o plano Exclusive, R$ 239 ou R$ 120 bimestrais, incluindo marcas como Revlon, Morrocanoil, Joico e L’Oreal Professional. Todos os kits contêm três produtos em tamanho convencional (entre 200 e 300ml).

Com cerca de 500 assinantes, a startup vai lançar, no início de agosto, uma nova plataforma – e novos planos de assinatura. Os que optarem por não assinar, podem comprar os mesmos produtos no e-commerce da My Care Box, no mesmo site, mas sem a consultoria personalizada. O tratamento, por enquanto, é apenas para mulheres.

Em Minas Gerais, a empresa tem salões de cabelereiro parceiros que dão descontos para assinantes. A startup também possui um blog com dicas para os cabelos e um canal no YouTube com vídeos tutoriais. Por enquanto, o serviço de assinaturas funciona apenas em território nacional.