O que sobra de uma startup de US$ 9 bilhões (vai virar filme com Jennifer Lawrence)

Da Redação

Por Da Redação

14 de junho de 2016 às 12:42 - Atualizado há 4 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

A Theranos era tida como uma das startups mais promissoras da atualidade, chegando a valer cerca de US$ 9 bilhões. Sua CEO e dona, Elizabeth Holmes, era a self-made woman mais rica do mundo (e sofria uma dose considerável de machismo por isso) e constantemente comparada com outros grandes inovadores do mundo, como Steve Jobs.

A sua inovação consistia em um método para fazer exames de sangue de maneira muito mais fácil, sem agulha e com pouca extração de sangue. Isso chamou a atenção do mundo, obviamente. E para isso contava com uma parceria de peso: a Walgreens, uma grande rede de farmácias nos Estados Unidos.

Contudo, a Walgreens resolveu cancelar seu contrato com a Theranos nesta semana. Motivo: a Theranos está envolvida em um escândalo de grandes proporções e teve que anular os resultados de seus testes de sangue dos últimos anos. Todos os exames feitos com seu “método inovador” foram tidos como imprecisos e a companhia estava tentando esconder isso.

A coisa é tão ruim que o presidente saiu, Elizabeth Holmes pode ser banida da indústria por dois anos, um de seus dois laboratórios de pesquisa teve que fechar e a empresa ainda está sob investigação de diversas agências norte-americanas.

Mas o que sobrou da empresa? Quase nada.

-> Cinco centros onde ainda estão sendo realizados testes de sangue, sendo 4 no Arizona e 1 na Califórnia

-> Seu recém-formado conselho de professores e outras pessoas da indústria de saúde, formado este ano

-> O seu laboratório do Arizona (já que o da Califórnia foi fechado pelas autoridades)

A empresa tentará uma última coisa antes de declarar o fim: em Agosto ela terá a oportunidade de explicar para o mundo médico como funciona a sua tecnologia. E talvez isso ajude a retomar, ao menos um pouco, a credibilidade perdida.

Agora resta saber se o filme, que contará com Jennifer Lawrence no papel principal, pintará Elizabeth Holmes como uma fraude ou como uma incompreendida pelo sistema. Esse eu quero ver.

Mensagem do Editor

Ei, tudo bom?

Gostaria de agradecer pela visita! Meu nome é Felipe Moreno, sou editor-chefe do StartSe e, como muito de vocês, dono de uma (minúscula) startup de mídia.

E vou te fazer um pequeno convite: vamos bater um papo! É só se cadastrar aqui embaixo e eu vou te enviar alguns e-mails para você com o melhor do nosso conteúdo para te ajudar, seja você um empreendedor, funcionário, investidor ou apenas interessado neste maravilhoso mundo!

É um caminho de comunicação direto que nenhum outro portal oferece para seus leitores. E a intenção é construir uma comunidade vibrante que esteja preparada para todos os enormes desafios que virão. Vamos construir conhecimento e conteúdo juntos! Conto muito com a presença de vocês neste papo!
[php snippet=5]