Nova plataforma otimiza o frete de compras feitas pela internet

A empresa utiliza uma tecnologia que calcula em frações de milissegundos quais as melhores rotas e preços dentre as transportadoras contratadas pelo e-commerce

Avatar

Por Júlia Miozzo

30 de abril de 2015 às 18:00 - Atualizado há 5 anos

SÃO PAULO – O comércio eletrônico parece ser, atualmente, uma das maneiras mais viáveis de se fazer compras, seja pela praticidade de poder comprar de sua própria casa ou por poder comparar o preço em diferentes lojas facilmente. Somente em 2014, as vendas pela internet chegaram a R$ 35 bilhões, segundo o relatório Webshoppers.

Uma das dificuldades, entretanto, é administrar a entrega dos produtos – e é isso que o Axado pretende solucionar. Primeira plataforma para gestão de frete para o e-commerce, a startup oferece a solução que contribui para que as lojas possam incrementar as vendas. A equipe de consultores da Axado reduz em média 13% dos custos para o e-commerce através da otimização dos custos operacionais com frete e a plataforma.

Para viabilizar essa economia, a empresa utiliza uma tecnologia que calcula em frações de milissegundos quais as melhores rotas e preços dentre as transportadoras contratadas pelo e-commerce. Assim, além de conseguir informar os prazos de entrega para o consumidor, a plataforma reduz custos desnecessários e pode estudar outras opções de entrega melhores.

“Analisar os dados coletados por meio da nossa plataforma oferece ao gestor melhor capacidade de avaliar e negociar tabelas de preços com suas transportadoras”, disse o CEO da Axado, Guilherme Reitz. “Por meio de nossa solução, podemos encontrar as respostas para reduzir custos, o que nos torna também uma potente ferramenta de aumento de conversão de vendas”.

Dentre os clientes da plataforma estão empresas como Mercado Livre, Decathlon, Etna, Vivara e Leroy Merlin. No total, mais de 700 lojas virtuais utilizam a plataforma e mais de 10 milhões de fretes já foram calculados por ela.