Depois de maionese, startup chilena NotCo lança sorvete feito de plantas no Brasil

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

5 de dezembro de 2019 às 12:41 - Atualizado há 8 meses

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

A startup chilena NotCo trouxe mais um de seus produtos para o mercado brasileiro: o sorvete feito de plantas. Chamado de “Not IceCream”, brincando com o fato de possuir ingredientes diferentes dos convencionais – e nenhum de origem animal -, o sorvete leva proteína de ervilha ao invés de leite. Até o final deste ano, o “NotMilk”, leite vegetal, também chegará às prateleiras tupiniquins.

As receitas são criadas pelo Giuseppe, como foi batizado o software de inteligência artificial desenvolvido pela startup. O algoritmo combina, entre milhares de ingredientes possíveis, resultados que se aproximam das receitas originais dos alimentos. A empresa possui a NotMayo, Not IceCream e NotMilk no portfólio de produtos – e a NotMayo foi o primeiro a chegar no Brasil.

Por enquanto, apenas o sabor de chocolate será comercializado no Brasil, mas a NotCo pretende trazer as opções de baunilha e morango em breve. As receitas estão sendo adaptadas para o paladar brasileiro, que tende a preferir produtos mais doces.

A NotCompany foi criada em 2015 por Matias Muchnick, Karim Pichara e Pablo Zamora, com investimento inicial de US$ 250 mil. Dois anos depois, levantou US$ 3 milhões do fundo Kaszek Ventures. Neste ano, a rodada trouxe um aporte de US$ 30 milhões e conquistou Jeff Bezos, fundador da Amazon, como um de seus investidores.

A startup segue em expansão para a América Latina e Estados Unidos, mercados que estão se mostrando abertos para alimentos “feitos de plantas”. No Brasil, startups como Fazenda Futuro e Behind The Foods estão lançando suas opções de carne plant-based. Veja os planos da NotCo para crescer no Brasil.

Confira no MVP, podcast da StartSe, as principais tendências da alimentação do futuro:

Episódio disponível no Apple Podcasts, Spotify, Deezer e Google Podcasts.