Startup levanta US$ 18 milhões para desenvolver software para carros autônomos

Avatar

Por Isabella Câmara

22 de junho de 2018 às 16:04 - Atualizado há 2 anos

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

A Silexica anunciou na última quarta-feira (20) que levantou US$ 18 milhões em venture capital para desenvolver ainda mais seu conjunto de ferramentas de software para carros autônomos. A rodada, que foi liderada pelo EQT Ventures Fund, contou com a participação de investidores que já investiam no negócio, como a Marus Capital, a Paua Ventures, a Seed Fonds Aachen e DSE Invest.

Com sede em Colônia, na Alemanha, a Silexica oferece um software chamado SLX, que ajuda empresas a gerenciar a criação de softwares complexos, como os utilizados em carros autônomo. A companhia viu que as ferramentas tradicionais de software já não eram mais capazes de acompanhar a crescente complexidade de programas, como os que executam AVs ou outros sistemas de computação.

“Criamos o SLX para apoiar os profissionais de tecnologia da informação que enfrentam o maior desafio do setor – programar supercomputadores”, disse o CEO da Silexica, Maximilian Odendahl. “O SLX está realmente agregando valor aos clientes na oferta de melhorias de desempenho e insights do sistema em alguns dos computadores mais avançados que estão sendo criados.”

A empresa, cofundada por Maximilian Odendahl, Johannes Emigholz e Weihua Sheng em 2014, já arrecadou um total de US$ 28 milhões. A Silexica afirma que usará o dinheiro para continuar desenvolvendo o SLX, além de criar uma plataforma que permitirá que usuários executem simulações para entender melhor como o software se comportará antes de ser implementado. “A ideia é tornar o processo de criação de software para AVs e para outros usos mais eficiente e confiável”, diz.

Baixe já o aplicativo da StartSe
App StorePlay Store


(Via: Venture Beat)