“O Brasil é perfeito para carros elétricos”, diz CEO da Hitech Eletric

Rodrigo Contin, CEO da startup de carros elétricos, esteve no Mobility Day e discutiu o setor de carros elétricos no país

0
shares

Por questões ambientais e até econômicas, os carros elétricos são uma das maiores apostas para a mobilidade do futuro. Hoje, montadoras estão se preocupando em desenvolver carros movidos a energia elétrica (a mais adotada das energias limpas) porque o setor da mobilidade está mudando: alguns países já adotaram uma data limite para a venda de carros movidos a gasolina e diesel.

Esse é o caso da Alemanha, por exemplo – o conselho federal alemão, o Bundesrat, votou pela proibição das vendas de veículos movidos à combustão interna até 2030. A data parece ter uma previsão positiva, já que Rodrigo Contin, CEO da Hitech Eletric, acredita que os preços dos veículos elétricos serão equivalentes aos de combustão até 2025.

Contin, engenheiro mecânico e ex-dono de uma equipe de Fórmula 3, esteve no Mobility Day, evento da StartSe que acontece nesta sexta-feira (24) para trazer sua visão sobre o setor de carros elétricos. Rodrigo fundou a Hitech Electric, startup de mobilidade focada em carros elétricos, em 2016 após o observar que o Brasil era um bom cenário para a iniciativa.

“Em 2016, ficou claro para mim que teríamos uma grande oportunidade no país. Eu escutava muito pouco sobre mobilidade elétrica, as iniciativas que haviam era de montadoras que focavam em produtos de alto valor e quando fazemos essa conta no Brasil, ela não fecha”, comentou o engenheiro, que decidiu criar uma solução mais acessível no país.

Segundo Contin, o Brasil se destaca nesse setor porque o combustível é “muito caro”. “A economia dos carros elétricos para frotistas, por exemplo, é enorme. É uma grande oportunidade, então optamos por desenvolver o veículo para empresas, entregando uma solução de logística e não apenas um veículo”, explicou.

Hoje, a Hitech Electric une sua inteligência à carros elétricos importados da China. A ideia inicial era produzir os próprios veículos, mas a startup pivotou. “Entendemos que por mais que tenhamos o know-how, seria um desafio muito grande criar a marca, projetar o veículo, lidar com marketing e capilaridade da rede no país”, comentou.

A startup escolheu se alinhar com parceiras que pudessem produzir veículos em grande escala. Um ponto que facilita a utilização dos veículos da Hitech Electric é que eles são carregáveis em tomadas comuns do tipo 110V e 220V – ou seja, os veículos não dependem da mudança na infraestrutura do país para serem utilizados.

Hoje, a Hitech Electric já recebeu investimentos de venture capital – da KICK Ventures – e recentemente fechou uma parceria com a Positivo para a criação de uma base de pesquisa e desenvolvimento, permitindo que a startup desenvolva mais soluções para o mercado de mobilidade.

“Desejamos ser um integrador de mobilidade, trazendo a tecnologia dos veículos elétricos, desenvolvendo questões de conectividade e veículos autônomos. Acredito que a Hitech Electric em breve terá uma novidade interessante nesse segmento”, prometeu o CEO da startup.

O fim das concessionárias

A mudança na mobilidade urbana não virá apenas nos veículos, mas na forma como estes são vendidos – se é que continuarão sendo. Uma tendência crescente no setor é a mobilidade como um serviço, no qual as pessoas passam a alugar ou compartilhar os carros, mudando o destino das concessionárias. “Eu acredito que os modelos de concessionárias não irão se perpetuar por muito mais tempo, então estamos mudando essa ideia para a nova realidade”, explicou Rodrigo Contin. A Hitech Electric aposta na venda através de showrooms e através de parceiros, além de prospectar a venda através de grandes redes de varejistas no futuro.

Os carros da startup são voltados principalmente para outras empresas – segmento B2B -, para agilizar processos e diminuir custos de logística, já que é possível abastecer a bateria dos carros elétricos da startup por cerca de R$ 5. Conheça mais sobre a solução da Hitech Eletric aqui.

Foto: Eduardo Viana

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários