Medo de sangue fez Elizabeth Holmes criar startup que está revolucionando medicina

Avatar

Por Júlia Miozzo

30 de setembro de 2015 às 15:38 - Atualizado há 5 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

SÃO PAULO – A Theranos é uma das startup que oferece testes e exames de sangue por um preço mais acessível, além de ser uma das mais valiosas da atualidade – com valuation de US$ 9 bilhões. Por isso foi surpreendente quando sua CEO e fundadora, Elizabeth Holmes, confessou que foi um “traumático medo de sangue” que a inspirou a criar a empresa.

Em entrevista ao CNBC, a CEO comentou que o medo de sangue, junto com a experiência de perder membros de sua família por conta de infartos, foram a motivação para tornar exames de sangue acessíveis. “O verdadeiro legado do Vale do Silício é produzir ótimos produtos que possam fazer a diferença no mundo”, disse.

Diferente dos testes tradicionais de sangue, que utilizam diversos frascos de sangue, a Theranos usa a punção digital, coletando apenas uma pequena amostra de sangue, para examinar sobre certa doença – por isso eles acabam saindo por um preço bem menor do que o geralmente encontrado.

Ainda neste ano, a startup conseguiu a aprovação da FDA (Food and Drug Administration), nos Estados Unidos, para começar a aplicar os testes fora do tradicional laboratório.