Mark Zuckerberg vendeu mais de US$ 100 milhões em ações do Facebook

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

16 de fevereiro de 2018 às 13:16 - Atualizado há 3 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Nesta semana, Mark Zuckerberg vendeu o equivalente a US$ 108,6 milhões em ações do Facebook. A venda foi realizada para trazer o produto para a Chan Zuckerberg Initiative, uma organização filantrópica que o empreendedor fundou junto com Priscilla Chan, sua esposa. A Chan Zuckerberg Initiative foi fundada em 2015, ano do nascimento da primeira filha do casal.

Mas essa é não a primeira venda que Zuckerberg pretende realizar ou já realizou para financiar a organização. Em setembro de 2017, o CEO do Facebook afirmou na própria rede social que planeja vender de 35-75 milhões de ações da empresa nos próximos 18 meses. A Chan Zuckerberg Initiative investe em melhorias na educação, ciência e advocacia.

“Nós temos muito trabalho a frente no Facebook para ajudar a comunidade e criar um mundo mais unido. Também temos muito trabalho na Chan Zuckerberg Initiative com incríveis cientistas, professores e doutores ao redor do mundo que precisam de suporte hoje, não há daqui algumas décadas. Esse caminho oferece uma maneira de fazermos tudo isso, e eu estou ansioso para fazermos mais progressos juntos”, escreveu Zuckerberg.

Além das vendas já prometidas, a intenção de Chan e Zuckerberg é de doar 99% de suas ações no Facebook para a fundação – nesse caso, o casal não estipulou uma data limite, pois farão as doações “durante suas vidas”.

“Durante o ano passado (2016) e na metade de 2017, os negócios no Facebook performaram bem e o valor das ações cresceram ao ponto que eu posso financiar completamente nosso trabalho filantrópico e ainda permanecer no controle dos votos no Facebook por 20 anos ou mais”, escreveu o CEO. Segundo o Biz Journals, o empreendedor já vendeu US$ 1,6 bilhões em ações nos últimos dois anos.

Hoje, o Facebook é uma das gigantes no Vale do Silício e a maior rede social do mundo. Para conhecer outras novidades que estão nascendo atualmente em um dos maiores polos de inovação do mundo, participe da Silicon Valley Conference que acontecerá em São Paulo.

[php snippet=5]