Startup de mobilidade Grab recebe aporte de US$ 200 milhões do Central Group

Isabella Carvalho

Por Isabella Carvalho

31 de janeiro de 2019 às 14:02 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Grab, empresa de transporte e de corrida por aplicativos, continua recebendo altas quantias em dinheiro. A startup levantou US$ 200 milhões do Central Group, o maior grupo de varejo da Tailândia, que possui restaurantes, hotéis, lojas de departamento e mais de 30 shoppings no país. 

Com sede em Cingapura, a Grab confirmou que o acordo não faz parte de sua captação da Série H. Com o investimento, a Central Group assume o controle acionário das operações da startup na Tailândia. Com a parceria, as empresas planejam focar em serviços de entrega para os restaurantes do Central Group, logística e transporte de visitantes e turistas.

“Como parte do acordo, as empresas irão colaborar em todas as áreas de transporte, alimentos, entrega, logística e muito mais, para entregar mais valor aos clientes da Central Group e Grab, parceiros, comerciantes e lojistas “, disse o grupo em um comunicado.

Essa é a primeira vez que um investidor comprou uma unidade local da Grab, que recentemente recebeu um investimento de US$ 250 milhões da Hyundai e US$ 200 milhões da Booking. Na série G, a startup levantou uma rodada de US$2,5 bilhões liderada pelo Softbank e Didi Chuxing, dona da 99. Agora, a startup está impulsionando um financiamento da Série H no valor de US$ 3 bilhões. Segundo o Crunchbase, até agora, a startup levantou US$7,3 bilhões de investidores.