FILLO’S: transformando pratos tradicionais em refeições prontas para consumo

Avatar

Por FoodVentures

10 de setembro de 2018 às 09:19 - Atualizado há 3 anos

Logo Novo Curso

Transmissão exclusiva: Dia 08 de Março, às 21h

Descubra os elementos secretos que empresas de sucesso estão usando para se libertar do antigo modelo de Gestão Feudal de Negócios.

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Exploração de novas culinárias e a conveniência são itens prioritários na lista de muitos consumidores quando o assunto é preparar refeições, e a Fillo’s vem mirando esse nicho.

Fundada pelos irmãos cubanos-panamenhos, Daniel e Antônio Caballero, a empresa (que também é encontrada sob o nome Sofrito Foods) tem como objetivo agitar a categoria de feijões e a falta de produtos latino americanos de qualidade.

“Eu sinto que não existiam muitas opções de produtos latino americanos de ponta por aí, então pensei que feijões refogados, no estilo sofrito, seriam uma boa solução, porque são embalados com proteínas vegetais, e são muito nutritivos e feitos com vegetais frescos”, disse o fundador Daniel Caballero ao site FoodNavigator – USA.

Afinal, o que é sofrito? É uma espécie de refogado feito tradicionalmente na América Latina, onde mistura-se azeite, vegetais frescos, ervas e temperos aos feijões. No entanto, o processo leva horas.

Pensando nisso, a Sofrito Foods visualizou um produto que passasse por um processo parecido: vegetais frescos, azeita de oliva extra, temperos moídos, ervas inteiras, sal marinho e método de cozinha tradicionais.

Fonte: Instagram/@Americas_made

Um ano de desenvolvimento de produtos e um processo de aceleração depois, hoje os consumidores podem encontrar produtos como Feijão Preto Cubano, Grão-de-bico Panamenho, Feijão Mayocoba Mexicano, Feijões Rosa Porto-riquenhos, Lentilhas Peruanas e outros.

Além do nicho pouco explorado, a importância de produtos como o Fillo’s também se dá por causa do legado das comidas latino americanas. A indústria tende a colocar todos os produtos sob o segmento de comidas mexicanas – principalmente se falarmos de países como os Estados Unidos, que têm mais contato com a culinária mexicana.