Conheça as 27 fintechs que valem US$ 1 bilhão em todo o mundo

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

8 de Maio de 2018 às 08:43 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

GRATUITO, 100% ONLINE E AO VIVO

Inscreva-se para o Maior Programa de Capacitação GRATUITO para empresários, gestores, empreendedores e profissionais que desejam reduzir os impactos da Crise em 2020

Seja para tornar os serviços mais acessíveis a população, incluir os desbancarizados ou facilitar o acesso ao crédito, as fintechs estão revolucionando o mercado financeiro. Este mercado está mais digital, democrático e em pleno crescimento (saiba como as fintechs estão mudando a nossa relação com o dinheiro baixando nosso ebook gratuito). Hoje, já existem fintechs unicórnios – startups com valuation de US$ 1 bilhão – no mundo. A lista a seguir reúne as 27 maiores fintechs unicórnios do mundo que atingiram esse patamar com investimentos de venture capital. São essas:

  1. Symphony – US$ 1 bilhão

A Symphony é uma plataforma de comunicação que se destaca por ter a segurança de uma rede bancária. Fundada em 2014, a startup possui grandes nomes como clientes e investidores, como Goldman Sachs, JPMorgan, Google e Morgan Stanley. Com o valuation de US$ 1 bilhão, a startup já arrecadou US$ 296 milhões em sua trajetória.

  1. TongDun Technology – US$ 1 bilhão

A solução da TongDun traz mais segurança aos serviços financeiros. A startup realiza a gestão de riscos em bancos, pagamentos, e-commerce e em transações online para offline. A TongDun foi criada em 2013 na China e, atualmente, mais de 7 mil empresas utilizam sua solução no país. A fintech possui o valuation de US$ 1 bilhão e já recebeu o total de US$ 150 milhões em investimentos.

  1. Funding Circle – US$ 1 bilhão

A Funding Circle é um marketplace de empréstimos para financiar negócios. Os empreendedores se inscrevem em uma plataforma, recebem ofertas de empréstimos e podem pagar o valor de 6 meses a 5 anos. A fintech foi criada em 2009 em Londres e já recebeu US$ 413 milhões em investimentos.

  1. Kabbage – US$ 1 bilhão

A Kabbage é uma startup que auxilia empresas menores a conseguirem empréstimos. O processo é feito de forma online através de uma inscrição na plataforma, e poderá ser pago de 6 a 12 meses. Criada em 2009, a startup possui o valuation de US$ 1 bilhão e já recebeu o total de US$ 1,6 bilhão em aporte.

  1. 51 Credit – US$ 1 bilhão

A 51 Credit é uma startup chinesa de aconselhamento em finanças. A startup atua na gestão de risco em crédito, auxiliando os 20 maiores bancos presentes na China hoje e já levantou US$ 94 milhões em investimentos. Atualmente, possui o valuation de US$ 1 bilhão.

  1. Gusto – US$ 1 bilhão

A Gusto auxilia na área de recursos humanos das empresas, trazendo uma plataforma de gestão de pagamentos, benefícios e outros. Além de automatizar o processo, a startup traz o auxílio de experts de recursos humanos quando necessário. A startup foi criada em 2011 e já recebeu, no total, US$ 178 milhões em investimentos de vários players, como os fundadores do Youtube, Yelp, Yammer e Google Ventures. A startup possui o valuation de US$ 1 bilhão.

  1. UiPath – US$ 1,1 bilhão

A UiPath promove a automatização de processos, sendo amplamente utilizada por empresas do mercado financeiro. Fundada em 2012, o valuation da UiPath cresceu 10x em apenas um ano – e a startup já recebeu US$ 183 milhões ao todo em investimentos.

  1. AvidXchange – US$ 1,2 bilhão

A AvidXChange traz ferramentas de gestão de compras, contas e pagamentos, automatizando e ajudando a agilizar processos. A startup possui o valuation de US$ 1,2 bilhão e já arrecadou US$ 547 milhões desde 2000, quando foi criada.

  1. Clover – US$ 1,2 bilhão

A fintech Clover oferece seguros de saúde com preços acessíveis, criados com base no quanto o usuário pode pagar por ano. Criada em 2013, a startup já recebeu US$ 425 milhões em aporte e possui o valuation de US$ 1,2 bilhão.

  1. Robinhood – US$ 1,3 bilhão

A Robinhood viabiliza a compra e venda de ações sem taxas. Atualmente, a startup afirma ter 4 milhões de usuários registrados desde sua criação, em 2013, e já levantou US$ 526 milhões em investimentos. Atualmente, seu valor de mercado é de US$ 1,3 bilhão.

  1. Tuandaiwang – US$ 1,4 bilhão

A Tuandaiwang é uma plataforma de empréstimos entre pessoas. A startup foi criada na China em 2012 e já levantou US$ 380 milhões em investimentos, com o valor de mercado US$ 1,4 bilhão.

  1. TransferWise – US$ 1,6 bilhão

A TransferWise é uma fintech que facilita a transferência de dinheiro entre países, oferecendo taxas menores que as bancárias. Fundada em 2010 em Londres, a startup possui US$ 1,6 bilhão em valuation e já arrecadou US$ 397 milhões em investimentos.

  1. Revolut – US$ 1,7 bilhão

A Revolut traz serviços bancários sem ser um banco. A startup promove a transferência de dinheiro gratuita entre países, além de permitir transações de compra e venda de criptomoedas. A startup atingiu o patamar de unicórnio apenas 33 meses depois de ser criada. Fundada em 2015, já recebeu US$ 336 milhões em investimentos e hoje possui o valuation de US$ 1,7 bilhão.

  1. Affirm – US$ 1,8 bilhão

A Affirm permite que consumidores parcelem suas compras – algo pouco comum nos Estados Unidos. Os consumidores realizam pequenos empréstimos com a startup para fazer a compra desejada e paga, aos poucos, por mês. Atualmente, mais de 1.200 varejistas nos Estados Unidos são parceiros da startup. Criada em 2012, a Affirm já recebeu US$ 720 milhões de investimento e possui o valuation de US$ 1,8 bilhão.

  1. Nubank – US$ 1-2 bilhões

O Nubank é a primeira startup brasileira na lista. A fintech surgiu em 2013 com a proposta de cartão de crédito sem anuidade e lançou recentemente uma conta de pagamentos também sem taxas. Atualmente, possui mais de 3 milhões de consumidores e já levantou mais de US$ 527 milhões em investimentos, possuindo o valuation entre US$ 1 bilhão e 2 US$ 2 bilhões.

  1. Coinbase – US$ 1-8 bilhões

A Coinbase é uma exchange – ou seja, uma plataforma de transações entre criptomoedas. A fintech foi fundada e 2012 e, até então, já levantou US$ 225,3 milhões. O valuation da Coinbase é incerto: a CB Insights a avalia por US$ 1,5 bilhão, mas há relatos que a startup está tentando se avaliar em cerca de US$ 8 bilhões.

  1. Avant – US$ 1,9 bilhões

A Avant é uma fintech de empréstimos pessoais online. Criada em 2012, a startup já levantou US$ 1,8 bilhão em investimentos e possui o valuation de US$ 1,9 bilhões.

  1. Zenefits – US$ 2 bilhões

A Zenefits é uma plataforma de gestão para pequenos negócios, que concentra informações como folha de pagamentos, recursos humanos e seguro de saúde. A plataforma é gratuita para os consumidores – apenas os seguros de saúde que pagam taxas. A fintech foi criada em 2013 e já levantou US$ 583 milhões em investimento, possuindo hoje o valuation de US$ 2 bilhões.

  1. Adyen – US$ 2,3 bilhões

A Adyen é uma plataforma que viabiliza diversas formas e métodos de pagamento. A fintech deverá fazer o IPO este ano e possui, entre os clientes, nomes como Facebook, Airbnb, Uber, Netflix e SoundCloud. A startup já levantou US$ 266 milhões em investimento e possui o valuation de US$ 2,3 bilhões.

  1. Klarna – US$ 2,5 bilhões

A Klarna é uma startup de sistema de pagamentos para celular e computadores que permite que pessoas parcelem suas compras. Atualmente, a fintech processa 800 mil pagamentos por dia e é utilizada por 60 milhões de pessoas. A Klarna possui US$ 2,5 bilhões em valuation e já levantou US$ 636 milhões.

  1. Oscar – US$ 3,2 bilhões

A Oscar é uma startup de seguro de saúde, trazendo a experiência de ir ao médico para o mundo digital. Além de viabilizar planos de saúde, as consultas que são feitas online são de graça para os pacientes. A startup tornou-se um unicórnio 16 meses depois de ser criada, em 2013. Atualmente, possui o valuation de US$ 3,2 bilhões, após ter levantado US$ 892 milhões em investimentos.

  1. GreenSky – US$ 3,6 bilhões

A GreenSky fornece tecnologia para bancos processarem pedidos de empréstimos. Fundada em 2006, a startup já levantou US$ 350 milhões em investimentos e possui o valuation de US$ 3,6 bilhões.

  1. Credit Karma – US$ 4 bilhões

A Credit Karma é uma startup que permite que as pessoas visualizem seu histórico de créditos, permitindo que os consumidores tomem melhores decisões financeiras. Criada em 2007, a startup já recebeu US$ 868 milhões em investimentos, e hoje possui o valuation de US$ 4 bilhões.

  1. SoFi – US$ 4,5 bilhões

A fintech SoFi disponibiliza diversos tipos de empréstimos pessoais, como empréstimo universitário e hipotecas. Criada em 2011, a startup já levantou US$ 2,1 bilhões em investimento e possui o valuation de US$ 4,5 bilhões.

  1. PayTm – US$ 7 bilhões

A PayTm é uma fintech que atua como carteira digital para consumidores da Índia. Fundada em Delhi em 2010, a startup já levantou US$ 320 milhões em investimentos e hoje é a maior carteira digital da Índia, com 230 milhões de usuários registrados. Atualmente, o valor de mercado da PayTm é de US$ 7 bilhões.

  1. Stripe – US$ 9,2 bilhões

A Stripe é uma fintech de pagamentos online que permite que empresas e corporações aceitem pagamentos pela internet. Twitter, Pinterest, Salesforce e The Guardian são empresas que usam a solução. Criada em 2010, a startup já levantou US$ 474 milhões, sob o valuation de US$ 9,2 bilhões.

  1. Lu.com – US$ 18,5 bilhões

A Lu.com é uma startup chinesa de financiamentos e empréstimos entre pessoas. Criada em 2011, a startup já recebeu US$ 1,7 bilhões em investimentos e hoje possui o valuation de US$ 18,5 bilhões.

BAIXE EBOOK GRATUITO SOBRE FINTECHS

(Via Business Insider)

[php snippet=5]