EduQC usa inteligência artificial para facilitar aprovação em concurso público

Avatar

Por Isabella Câmara

4 de abril de 2018 às 15:43 - Atualizado há 2 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Segundo dados da Agência Nacional de Proteção aos Concursos (ANPAC), os concursos públicos atraem cerca de 13 milhões de pessoas em todo o país. Mas estima-se que apenas 5% dos inscritos são competitivos. Foi com esse cenário que o fundador da EduQC se deparou quando decidiu se tornar funcionário público. “Eu trabalhava em um banco de investimentos, especializado em análise de risco. Mas queria atuar por conta própria”, diz Victor Maia. Mas, para realizar o sonho de empreender, ele precisava acumular uma grande quantia ou possuir uma renda fixa  livre de riscos.

Para acumular o dinheiro necessário para empreender, Victor precisaria permanecer no banco. Mas como essa não era mais uma opção viável para ele, o engenheiro decidiu apostar no funcionalismo público. A partir dessa decisão, Victor foi em busca de informações sobre como poderia ingressar na área o mais rápido possível. “Eu queria passar rápido porque queria correr risco e empreender”, conta.

Na primeira vez que prestou o concurso, o engenheiro estudou aleatoriamente e sem nenhuma estratégia. Resultado: não foi aprovado. A partir daí, Victor colheu as informações necessárias e estruturou a metodologia EduQC. “Estudei o que era necessário para passar no concurso e resolvi o meu problema. Eu sabia o que eu precisava estudar, estudei e passei”, conta.

Pensando em se encaixar na porcentagem dos inscritos competitivos, Victor Maia, decidiu traçar um plano de estudo baseado em dados. “Eu analisei o que era necessário estudar para ser aprovado. Ou seja, eu precisei descobrir onde estava, o quão difícil a aprovação era e quanto tempo eu levaria para obtê-la. Com esses dados em mãos, tracei o meu plano de ação”, conta Victor em seu livro.

O problema

De acordo com Maia, apesar do grande número de pessoas que estão se preparando para prestar concurso público, cerca de 80% delas nunca vão passar. “A indústria vende essa ideia de persistência e que há uma fila para passar. Mas não é bem assim. Tem gente que em poucos meses passa e outras que ficam 10 anos tentando e não passam nunca”, diz.

Para Victor, o grande problema é que, na maioria das vezes, as pessoas não conhecem os seus pontos fracos e fortes e acabam escolhendo uma carreira arbitrariamente. Além disso, segundo ele, o indivíduo não tem uma noção real de seu progresso devido ao sistema de aprovação binário do concurso público.

Foi então que ele percebeu que o plano de estudo que tinha traçado para ser aprovado no concurso ajudaria outras pessoas também. “Eu tinha a solução para um problema que é grande e de muita gente. Como havia pessoas dispostas a pagarem muito para resolvê-lo, eu percebi que tinha um business alí”, conta. “Eu comecei a fazer para amigos e amigos de amigos, e então o que tinha dado certo para mim, começou a dar certo para elas também”, diz.

Colega de faculdade de Victor, Jonas Fagundes investe e acompanha o projeto desde o início. “Eu estou com o Victor desde quando ele começou a montar a planilha de controle de estudo – que era feita em Excel na época. Mas a partir do ano passado, quando entrou um investidor externo, eles fizeram questão dos sócios estarem em tempo integral na EduQC. Então eu sai do meu outro trabalho e me juntei a eles”, conta o sócio.

A solução: EduQC

Foi a partir dessa validação que nasceu o EduQC, um software baseado em estatística que auxilia o candidato a direcionar seus estudos para atingir um objetivo educacional – nesse caso, a aprovação em um concurso público. O software dá a noção exata de onde o candidato está e qual é o caminho a ser percorrido até a aprovação. A partir desses dados e do resultado do simulado, o EduQC traça pequenas metas que farão com que o objetivo final seja alcançado.

Além disso, ao aplicar a Teoria da Resposta ao Item ao universo dos concursos públicos, o software é capaz de calcular a dificuldade de entrar em cada carreira. “Quando a pessoa descobre o quanto o candidato que fez o exame interior sabia, o grau de preparação que ela precisa ter para passar e o quão perto ela está do seu objetivo, é possível direcionar melhor seus esforços”, diz Victor. “Além disso, saber o que você precisa saber para passar oferece uma certa segurança e tranquilidade ao candidato na hora da prova”.

Com o EduQC, a pessoa não precisa esperar o edital sair para começar a estudar. “Quando sai o editar já é tarde demais para começar a estudar. A pessoa precisa estudar para a vaga que deseja passar o quanto antes, se baseando no exame anterior até o edital sair. Quando ele sair, o software diz a chance que ela tem de passar e quantifica se aquela decisão faz sentido ou não”, explica o fundador. “O software faz as pessoas tomarem decisões baseadas em chances, não em sonhos”.

De acordo com o fundador, o EduQC utiliza inteligência artificial para traçar um plano de estudos que seja desafiador o suficiente para o candidato aprimorar seu conhecimento, não desafiador demais ao ponto de as pessoas desistirem. “Geralmente os candidatos questionam que têm muito mais tempo para estudar do que o estabelecido pelo software. Isso porque se a pessoa tem duas horas, nós sugerimos 50 minutos de estudo líquido. A partir daí, nós aumentamos essa meta conforme o aluno vai cumprindo as metas anteriores, até chegar em um equilíbrio”, explica.

O plano de ação é totalmente adaptável a realidade da pessoa e a meta de estudo é variável pensando na maximização do engajamento do candidato. Ou seja, o software usa inteligência artificial para aumentar as chances de sucesso do candidato, enquanto orienta, de acordo com a realidade da pessoa, como ela deve estudar de forma mais eficiente.

A EduQC é uma das startups que participarão do EdTech Conference, evento realizado pela StartSe que reunirá as maiores inovações em tecnologia que estão revolucionando a educação. Conheça a programação e garanta o seu ingresso aqui.