Dubugras, da fintech Brex, fala de seus planos para 2019

Da Redação

Por Da Redação

16 de janeiro de 2019 às 09:08 - Atualizado há 2 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

Henrique Dubugras, de 23 anos, deu entrevista nesta terça-feira (15), ao canal Yahoo Finance, em que fala sobre a rodada de capitalização da sua startup Brex, que obteve US$ 125 milhões em financiamento, em outubro de 2018. Este investimento veio na esteira de outros US$ 50 milhões arrecadados em junho de 2018.

“Estamos indo atrás de um mercado super grande e temos um produto que é único”, disse Dubugras.

Dubugras, afirmou que o dinheiro será utilizada para o desenvolvimento da tecnologia que permite que a Brex  financie outros empreendimentos – startups que tem dificuldade de obter crédito para crescer.

A Brex é a primeira startup de cartão corporativo para startups. A empresa está investindo ainda mais no aprimoramento de seus recursos, incluindo o lançamento de um modelo de crédito baseado em recompensas. Os clientes da Brex acumulam pontos em suas transações de cartão corporativo Brex, que posteriormente podem ser convertidos em benefícios para o empreendedor e sua empresa.

A Brex foi avaliada, em outubro de 2018, depois da rodada de investimentos, em US$ 1,1 bilhão, um valor expressivo para uma startup com dois anos de vida. A startup  está sediada em São Francisco.

Fintech Revolution

A Brex nasceu da frustração que Dubugras e co-fundador Pedro Franceschi enfrentaram ao tentar obter um cartão de crédito corporativo para a sua startup. As startups em estágio inicial têm dificuldade em obter cartões de crédito porque não têm receita.

Os emissores tradicionais de cartões de crédito muitas vezes rejeitam seus pedidos, forçando os seus fundadores a usar seus cartões de crédito pessoais para financiar as operações. A Brex oferece crédito para startups com base na quantidade de dinheiro em suas contas bancárias corporativas.

Dubugras e a Brex são personagens da nova série educativa da StartSe, Fintech Revolution, que acaba de ser lançada.

Trata-se de uma série educativa que mostra os bastidores da revolução causada pelas fintechs. Em oito capítulos, é possível conhecer:
– Os primeiros anos da revolução causada pelas startups financeiras
– A transformação das carreiras em finanças, marketing, vendas, engenharia e tecnologia
– As próximas ondas desta evolução, que está mudando profundamente a forma como as pessoas se relacionam com o dinheiro e com o sistema financeiro tradicional.

Assista o workshop grátis. 

Compre Fintech Revolution, da StartSe.