Aplicativo popular de organização consegue implantar o ”toyotismo” para uso em empresas

Avatar

Por Júlia Miozzo

15 de setembro de 2015 às 15:39 - Atualizado há 5 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

SÃO PAULO – Com 10 milhões de usuários, o aplicativo de planejamento de projetos Trello está lançando uma versão paga para negócios com uma nova abordagem: o método kanban, semelhante ao toyotismo. Ele consiste em utilizar post-its para indicar o status das partes individuais de um projeto.

No caso do aplicativo, o software foi desenvolvido em diversos pedaços, que mostram quem é responsável pelo que e o quanto já progrediu com ele. A empresa conseguiu criar um aplicativo que aplica a linha de produção toyotista mais aplicável em outras áreas.

Com a nova edição do Trello, é possível ter a integração de outros serviços, como o Slack, Salesforce e Box, e outros, como suporte prioritário quando algo dá errado e permissões aprimoradas, para que nem todas as pessoas vejam os mesmos dados.

“Nós tentamos cerca de 15 coisas ao longo dos anos”, disse o CEO da empresa, Michael Pryor, ao Business Insider. Hoje, o aplicativo possui grandes clientes como universidades norte-americanas, mas é considerado por muitos como uma ferramenta de organização do trabalho e até do dia a dia. Segundo o CEO, as pessoas o utilizam inclusive para planejar casamentos e festas de aniversário.