7 dicas de performance online para startups

Avatar

Por Júlia Miozzo

16 de março de 2015 às 10:17 - Atualizado há 6 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

SÃO PAULO – A principal dificuldade enfrentada por startups é a de desenvolver uma campanha de marketing que, de fato, seja bem sucedida no ambiente online. Até mesmo os links patrocinados, que são a principal ferramenta para trabalhar com marketing na internet, sozinhos não são a melhor solução para as empresas que ainda estão no começo.

Pensando nas estratégias que podem ser opções melhores para as startups, Tulio Kehdi, sócio-diretor da Raccoon, agência de marketing de performance, indica quais medidas ajudam as ações de marketing e promovem crescimento constante da base de clientes das empresas.

“É claro que não existem fórmulas secretas para o sucesso. É preciso estudo, conhecimento e foco no que você deseja alcançar com suas campanhas online. Porém, essas dicas simples podem fazer toda a diferença no momento de aprimorar o posicionamento da sua marca no mercado.”

Confira:

1. Cubra tudo o que puder com links patrocinados
Mesmo que o volume seja baixo, utilize constantemente palavras relacionadas a seu negócio; elas vão garantir que os usuários propensos a usar os seus serviços serão atraídos para o seu site.

2. Entenda a concorrência
Entenda as estratégias e posicionamento de seus concorrentes na internet, seja por meio de portais, redes sociais ou mecanismos de busca. Você pode toma-las como base ou inovar fazendo o oposto.

3. Use mídia social, seja orgânica ou paga
As redes sociais podem identificar as pessoas que se encaixam em seu público-alvo, além de muitas informações sobre o comportamento do consumidor. Essas ferramentas, embora se baseiem nos conceitos do marketing tradicional, podem ser utilizadas para aumentar a performance de seu negócio.

4. Entenda o seu funil de compra
Conhecer o perfil e comportamento de seu consumidor ao comprar seu produto ou serviço é fundamental, principalmente por fornecer inúmeras ferramentas. Você pode dividir os usuários que são cadastrados ou não, os que são ativos ou não, e definir para quais grupos deve direcionar seu foco e quais mídias trazem mais do tipo de cliente que você procura. Ferramentas como RD Station e Hubspot são boas opções para fazer esse acompanhamento.

5. Ferramentas de Retargeting são boas
São as ferramentas que, após uma “quase compra” ou busca na internet, enchem a tela de seu computador em inúmeros sites. Não importa qual o seu negócio, com certeza menos e 5% das pessoas que o conhecerem vão querer usá-lo ou pagar por ele. Tentar convencer a pessoa que optou por não fazê-lo naquele momento, mas está interessada, pode ajudar.

6. Faça “branding”, mas seja consciente
Defina os canais e perfis mais próximos de seus consumidores atuais e use parte de seu orçamento para investir nisso, principalmente se for feito em longo prazo.

7. Teste tudo
Muitas plataformas de mídia online não precisam ser pagas para serem testadas – ou exigem um investimento pequeno. No mundo online, as estratégias que podem não dar certo para um segmento podem ser perfeitas para seu negócio e mercado específico.