Postmates poderá testar robôs autônomos para entregas em São Francisco

Anunciado no final do ano passado, o Serve é elétrico, equipado com sensores e poderá transportar objetivos em distâncias curtas

0
shares

A startup Postmates recebeu permissão para testar robôs autônomos para entregas nas calçadas de São Francisco. De acordo com San Francisco Public Works, as licenças estarão ativas por 180 dias e autorizam os testes de até três dispositivos de entrega autônoma. Cada robô deverá ser acompanhado por pelo menos um operador humano.

Anunciado no final do ano passado, o robô Serve foi projetado e desenvolvido pela Postmates para funcionar junto com a frota de entregadores e transportar objetos pequenos em distâncias curtas. Segundo a empresa, ele é elétrico e se move a uma velocidade de caminhada.

O robô ainda possui um conjunto de sensores, usa um processador NVIDIA XAVIER e pode transportar 22 quilos e percorrer cerca de 48 km com uma única carga. Os clientes interagem com o Serve usando uma tela sensível ao toque e câmeras. A startup afirma que a solução “incorpora sua visão para o futuro da entrega”.

"Estamos ansiosos para trabalhar diretamente com as cidades para buscar uma abordagem colaborativa e inclusiva para a implantação robótica que respeite nossos direitos públicos de passagem, inclua contribuições da comunidade e permita que as cidades desenvolvam regimes regulatórios", disse um representante da Postmates em uma declaração ao TechCrunch.

De acordo com o veículo, a licença deve ser emitida em breve. Com isso, São Francisco se tornará uma das primeiras cidades a permitir formalmente os testes de robôs autônomos para entregas. Em Washington, testes parecidos também estão sendo realizados — nesse caso, com a Amazon.

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários