Após expansão para o México, Nubank abre escritório na Argentina

Fintech anuncia expansão para a Argentina logo após início de suas operações no México; empresa deseja contratar profissionais argentinos

0
shares

O Nubank abriu, nesta terça-feira (12), seu escritório na Argentina. Esse é o segundo país em que a fintech realiza expansão na América Latina. Em maio, a empresa anunciou o início de suas operações no México.

Rafael Soto, ex-presidente da fintech argentina de pagamentos Ualá, será o líder na operação da Argentina, de acordo com a Bloomberg. Enquanto no México a expectativa é de que os cartões comecem a ser emitidos neste mês, o Nubank ainda não definiu qual será o primeiro produto a ser lançado na Argentina.

Além do cartão de crédito sem anuidade, produto pelo qual a fintech se tornou conhecida, o Nubank possui, atualmente, a conta digital de pagamentos NuConta, empréstimos e o programa de benefícios Rewards.

Como no México, o Nubank chegará na Argentina sob o nome de sua filial “Nu”. A empresa pretende auxiliar o país em problemas financeiros semelhante aos brasileiros, mas sentirá as principais necessidades dos argentinos para decidir seus próximos passos.

“Quase 16 milhões de argentinos atualmente não possuem acesso ao sistema bancário, isso é mais da metade da população adulta no país, e queremos contribuir para mudar esta situação", explica David Vélez, fundador do Nubank, em um comunicado.

O Nubank também pretende contratar profissionais argentinos para atuar no país. “O principal polo de desenvolvedores da América Latina se localiza hoje em Buenos Aires. Ficamos impressionados com o nível de talento que existe na Argentina e estamos orgulhosos em fazer um investimento significativo nesse ecossistema tecnológico”, disse o CEO da startup.

Junte-se a mais de 400.000 Empresários e Profissionais Para Conhecer os Negócios Mais Disruptivos do Mundo!

switch-check
switch-x
Nova Economia
switch-check
switch-x
Empreendedores
switch-check
switch-x
Investimentos
switch-check
switch-x
Startups
switch-check
switch-x
Ecossistema

Comentários