Fintechs oferecem crédito rápido e barato a empreendedores e PME

Fintechs de crédito para pequenos negócios movimentam milhões por ano; conheça algumas delas

0
shares

Hoje no Brasil nós temos mais de 30 fintechs de empréstimo, de acordo com o levantamento Radar FintechLab deste ano.

As fintechs nesse segmento são atrativas por terem taxas de juros menores. Um levantamento do Sebrae e do Banco Central indica que a média de juros cobrada por bancos para microempreendedores é de 4,5% ao mês, enquanto uma fintech como a Nexoos oferece taxas entre 1,6% a 2,25% ao mês.

De acordo com Ricardo Assaf, presidente da ABSCM (Associação Brasileira das Sociedades de Microcrédito), “em geral, a experiência do cliente com a tecnologia de fintechs é mais eficiente e menos burocrática do que a dos próprios bancos”.

Como um exemplo podemos mencionar a Rapidoo. A fintech consegue fazer a liberação de crédito em até 30 minutos para negócios que faturam até R$ 200 mil.

Vale explicar que as fintechs de empréstimo mencionadas na matéria não são bancos, mas sim empresas ligadas a uma instituição financeira autorizada pelo Banco Central.

“O ambiente financeiro é altamente regulado. Não dá para começar [uma fintech] e depois regularizar. Ou se torna uma instituição financeira ou se alinha em parceria a uma”, explicou Ricardo Assaf.

Por conta disso, existem as fintechs que fazem a intermediação entre bancos e investidores individuais e também existem as que são associadas a algum banco.

Ajudando com o processo burocrático para obtenção de crédito junto a uma instituição financeira estão fintechs como a CaptaMoney ou o Avante. Grande parte das fintechs de empréstimo faz a ponte entre as empresas e investidores, em um processo chamado peer-to-peer, conforme os dados das fintechs na tabela abaixo.

Algumas fintechs de crédito para empreendedores e PME

BivaEmpréstimo peer-to-peer. Fornece empréstimos de até R$ 500 mil.
TuTu DigitalPlataforma de empréstimo peer-to-peer. Oferece crédito entre R$ 5 mil e 100 mil.
RapidooPlataforma de factoring
Kavod  LendingPeer-to-peer. Começa a operar em julho e pretende financiar R$ 5 milhões em 2017 e R$ 33 milhões em 2018
NexoosA plataforma de empréstimo peer-to-peer já financiou mais de R$ 9,5 milhões.
AvanteCorrespondente bancário oferece microcrédito entre R$ 400 e R$ 14.200. Já emprestou mais de R$ 70 milhões para mais de 30 mil microempreendedores.
CaptaMoneyIntermediação entre financeiras e PME. Foi selecionada para aceleração pelo BMG Uptech.

Leandro Zen, CEO da TuTu Digital, explica sua proposta de peer-to-peer: “Contamos com pessoas dispostas a investir e ter retornos muito acima do mercado, podendo contribuir no impacto social que causamos nesse nicho da economia [micro e pequenas empresas] que contribui com quase um terço do PIB, mais da metade dos empregos formais gerados e são mais de 10 milhões de CNPJs”.

Já a Kavod Lending quer atingir mais de 35 mil investidores e 2 mil empresas nos próximos 5 anos, de acordo com seu CEO, Fábio Neufeld. A empresa começa a operar em julho: “Estamos com uma rodada de captação (de investimentos) aberta, de R$ 500 mil, e já temos um investidor anjo que aportará 60% do valor”, contou Neufeld.

Saiba como fazer parte desse ecossistema

Para fazer parte do ecossistema global de fintechs, você pode cadastrar sua startup na MEDICI e na StartSe Base.

A MEDICI é uma base de dados que conta hoje com 7.000 empresas de todo o mundo. Ela pertence à Let’s Talk Payments (LTP), empresa global de conteúdo e pesquisas sobre fintechs.

A StartSe Base é a maior base de dados de startups do Brasil, com mais de 5.000 empresas cadastradas.

Sobre a Let’s Talk Payments (LTP)

A LTP é a principal plataforma de conteúdo e pesquisas sobre fintechs no mundo. Mais de 400 instituições financeiras e 90 programas de inovação recorrem à LTP para obter informações sobre as empresas que estão disruptindo o setor financeiro.

Mariana Rodrigues é colaboradora regular da LTP, focada no mercado de fintechs do Brasil. Ela é COO da SGC Conteúdo. Para acompanhar o conteúdo produzido pela LTP no Brasil e no mundo, cadastre-se na newsletter.

Faça parte do maior conector do ecossistema de startups brasileiro! Não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook e de inscrever-se na nossa newsletter para receber o melhor de nosso conteúdo! E se você tem interesse em anunciar aqui no StartSe, baixe nosso mídia kit.

Atualize-se em apenas 5 minutos


Receba diariamente nossas análises e sinta-se preparado para tomar as melhores decisões no seu dia a dia gratuitamente.

Comentários