Você mente no Linkedin? É bom se preocupar com isso!

Avatar

Por Júnior Borneli

24 de abril de 2015 às 09:00 - Atualizado há 5 anos

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

Todos mentem um pouco em currículos, seja para reforçar realizações ou varrer para debaixo do tapete deficiências. Mas o LinkedIn quer acabar com isso. Graças a uma patente concedida recentemente, o LinkedIn pode em breve ser capaz, de fato, de verificar tudo o que você declarar no site.

Segundo noticiou o site Business Insider, a  patente foi apresentada pela primeira vez em 2013 por Lucas Myslinski e foi adquirida pelo LinkedIn. De acordo com a descrição da patente, o serviço interativo “monitora automaticamente alguns processos, checa informações e indica um status da informação.”

Você é empreendedor e tem uma startup? Então você precisa cadastrá-la no StartSe para relacionar-se com milhares de investidores e mentores. Acesse www.startse.com.br. É gratuito.

Em teoria, isso não é muito diferente do que o Facebook já faz com o sistema que mapeia histórias falsas, com exceção do fato de que o sistema será usado pelos usuários, que vão poder sinalizar verdades ou mentiras. Então é melhor você não estar mentindo sobre o “Cargo de Diretoria em Multinacional”.

Dentro dos desenhos da patente, alguns exemplos de como o processo pode ser aplicado são detalhadas. Em um exemplo, ela sugere que alguém poderia dizer “Texas é o maior Estado” e o sistema iria corrigir, informando que o maior Estado é o Alaska.

Mesmo que o LinkedIn implemente realmente este sistema, é quase improvável para que ele funcione inteiramente por conta própria. Verificar cada pequeno detalhe do currículo de uma pessoa é algo difícil de se fazer de uma forma totalmente automatizada.

Ainda assim, isso mostra que mais um passo é dado na direção de remover algumas das mentiras que circulam pela internet, mesmo que elas sejam de caráter pessoal. Na dúvida, é melhor correr e atualizar o perfil do LinkedIn.