4 maneiras de sobreviver ao tempo de bootstrapping da sua companhia

Avatar

Por Lucas Bicudo

19 de setembro de 2016 às 11:51 - Atualizado há 4 anos

Logo Black Friday 2020

Nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

Se você está se educando para se tornar um empreendedor, provavelmente você irá se deparar com a seguinte fórmula: escreva um plano, levante capital e então execute sua visão. Mas a real é que as coisas não funcionam simplesmente assim. Investidores anjos e empresas de venture capital muitas vezes não estão dispostas a investir em startups que não passaram por um belo período de bootstrapping. Não é uma máxima, mas é algo que vale a pena considerar.

Vale a pena considerar porque existem lições valiosíssimas quando você está tendo que se virar sozinho para levantar recursos. É a hora de dar mãos para a criatividade. De ralar, de sentir na pele o seu próprio negócio, de resiliência. Isso gera proximidade e conhecimento. Caso você decida seguir a rota de bootstrap, seguem quatro dicas para sobreviver à essa etapa da melhor maneira possível:

Consumidores são o principal do seu negócio

Você aprende rapidamente quando não tem nenhuma estrutura por detrás te apoiando que consumidores são o que mantém o barco flutuando. Eles pagam as contas. Você deve valorizá-los o quanto for possível. Baseado nesse contexto, construa uma cultura de serviços qualificados, capaz de reter cada um de seus clientes.

Domine a arte das vendas

Se você não tem uma quantidade considerável de dinheiro nas reservas, você tem que se capacitar para fazer vendas. Acima de qualquer coisa, ser capaz de vender é a chave principal para o desempenho do seu negócio. Além de te dar a ideia de que você pode e de o céu não é o limite, você perceberá o quão importante é para a unidade de negócio como um todo as suas estratégias de vendas.

Controle seus gastos

Dominar a arte das vendas é saber que, na ausência de dinheiro entrando, você tem que fazer o máximo possível para não ver ele saindo. Suas contas precisam estar em dia e bem analisadas em ordem de manter seu negócio vivo. Existem tantos altos e baixos nos primeiros anos de vida de um negócio que é necessária atenção especial para não se perder em despesas.

Esteja atento às métricas

Estar atento às métricas é estar atento à saúde de seu negócio. Leads, conversão, retenção, todos os parâmetros que indiquem que você está indo no caminho correto e não batendo em um prego torto precisam estar na ponta da língua.

(via Entrepreneur)

[php snippet=5]
E não deixe de entrar no grupo de discussão do StartSe no Facebook!