WhatsApp está testando mensagens que se autodestroem

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

1 de outubro de 2019 às 12:16 - Atualizado há 12 meses

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

As mensagens que se autodestroem, popularizadas no Snapchat, agora podem estar chegando no WhatsApp. De acordo com o portal WABetaInfo, que divulga notícias do aplicativo, a novidade está em fase de testes.

A expectativa é que os usuários possam marcar as mensagens que desejam que desapareçam do próprio celular e das pessoas com quem está conversando. Diferente do “Apagar para todos”, que mostra que uma mensagem estava ali e foi deletada, a iniciativa não deixa rastros.

As informações do WABetaInfo mostram o teste das mensagens autodestrutivas em grupos, mas espera-se que esteja disponível também em conversas entre duas pessoas.

Foto: WABetainfo

De acordo com o portal, os testes estão em fase inicial e não há indícios de quando chegarão no aplicativo.

Iniciativas semelhantes

Além do Snapchat, que se popularizou pelos chats e fotos que desaparecem de acordo com o tempo escolhido, o Telegram também possui um “chat secreto”. Neste caso, os usuários também escolhem o tempo determinado em que a mensagem permanece no ar. Diferente das convencionais, que são criptografadas e armazenadas na nuvem do app, as mensagens autodestrutivas são armazenadas (mesmo que por pouco tempo) apenas nos smartphones.