Uber muda taxas de cancelamento – veja novo cálculo

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

17 de julho de 2019 às 08:35 - Atualizado há 1 ano

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Uber, um dos principais aplicativos de mobilidade no Brasil, mudou suas regras de cancelamento para corridas no Rio de Janeiro. Agora, o usuário será cobrado de acordo com o tempo e a distância percorrida pelo motorista, ao invés de uma taxa fixa.

A taxa de cancelamento é cobrada 2 minutos depois de o usuário ter requisitado a viagem. Para as corridas no UberX, modalidade básica do aplicativo, a taxa era de R$ 7. Agora, se for efetuado o cancelamento e o motorista tiver andado apenas 2 quilômetros em direção ao usuário, ele pagará apenas R$ 2,80.

Se a Uber detectar que o motorista não está andando em direção ao passageiro, nenhuma taxa será cobrada. Mas caso o motorista espere no local de partida por mais de 5 minutos e o usuário não apareça, a taxa será aplicada.

Além de variar de acordo com o tempo e distância percorrida, a taxa de cancelamento também muda com a modalidade escolhida. O preço mínimo passa a ser R$ 1,50 e o máximo de R$ 12. Confira a tabela completa com os valores:

O usuário será informado da taxa calculada para ele e terá a opção de cancelar ou continuar a corrida. Caso discorde do valor, ele poderá entrar em contato com a Uber para solicitar ajuda.

As novas regras são válidas apenas para o Rio de Janeiro. A empresa não afirmou se deseja aplicá-las em outros locais.