Uber irá permitir pedidos do Uber Eats dentro do próprio aplicativo

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

6 de junho de 2019 às 12:17 - Atualizado há 1 ano

Logo ReStartSe

Inscreva-se para o maior e mais audacioso evento de inovação, tecnologia e transformação digital já feito na América Latina. 30 dias que vão mudar sua visão de mundo, dos seus negócios e da sua carreira.

Online e totalmente gratuito - 01 a 30 de outubro/2020

A Uber deseja que você faça pedidos por refeições enquanto procura corridas por aplicativo. A empresa está testando um botão do Uber Eats em seu aplicativo principal, o de corridas. A ideia é que os clientes possam utilizar ambos os serviços em apenas um aplicativo – o que auxilia na criação do hábito de pedir delivery de comida pelo Uber Eats.

A Uber começou a realizar o teste da fusão dos serviços no aplicativo no final de abril. No entanto, o Uber Eats continuará com o seu próprio app, pois muitos usuários que utilizam apenas o serviço de entrega. Um dos motivos é porque existem países em que a atuação da Uber é proibida, ao contrário do Uber Eats.

Segundo o TechCrunch, o objetivo da empresa é de aumentar o número de consumidores ativos mensalmente nas plataformas e que usam os dois produtos. A necessidade pela fidelização dos serviços acontece de forma concomitante ao fortalecimento dos concorrentes. No Brasil, o Uber Eats concorre com o iFood e Rappi. Já nos Estados Unidos, ele encara o Postmates e Doordash.

A iniciativa será adotada pela empresa nos países em que ainda não oferece bicicletas e patinetes elétricos – como no caso do Brasil. No entanto, ainda não há previsão de quando a mudança será aplicada em terras tupiniquins.

Confira como será a aplicação: