Toyota e Suzuki realizam parceria para investir em carros elétricos

Tainá Freitas

Por Tainá Freitas

20 de março de 2019 às 18:16 - Atualizado há 2 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 14 a 17/Dez, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora

As empresas japonesas Toyota e Suzuki anunciaram, nesta quarta-feira (20), uma parceria para investir em carros elétricos. As montadoras decidiram unir suas especialidades neste mercado: para a Toyota, a eletricidade, e para a Suzuki, carros compactos.

O objetivo é de unir forças para contribuir na produção e popularização dos carros elétricos. Entretanto, as empresas continuarão concorrentes em outros setores. Elas já haviam feito um pacto inicial de pesquisa em 2017.

Entre os pontos acordados, a Toyota irá fornecer seu sistema híbrido para a Suzuki em todo o mundo. Já a Suzuki irá compartilhar partes da manufatura utilizada em seus veículos compactos para a Toyota na Índia. Juntas, as empresas desenvolverão o SUV compacto Vitara Brezza da Suzuki na Toyota Kirloskar Motor Pvt, subsidiária da Toyota na Índia.

“Nós acreditamos que a expansão de nossa parceria com a Suzuki – com a oferta mútua de veículos e motores às iniciativas de desenvolvimento e produção – ajudará a nos dar a vantagem competitiva de que precisaremos para sobreviver em um período de profunda transformação”, disse Akio Toyoda, presidente da Toyota, no anúncio. “Pretendemos fortalecer a competitividade das duas empresas unindo nossos pontos fortes e aprendendo uns com os outros”.

Parcerias já existentes

Além da Suzuki, a Toyota está realizando parcerias também em outros segmentos da Nova Economia. A montadora japonesa investiu US$ 17 milhões com a Softbank em iniciativas de carros autônomos, além de ter investido US$ 500 milhões na Uber.