WhatsApp está de volta após justiça acatar pedido do aplicativo

Da Redação

Por Da Redação

3 de Maio de 2016 às 16:02 - Atualizado há 5 anos

Vem aí a melhor formação de líderes do Brasil

Logo Liderança Exponencial Aprenda as novas competências fundamentais para desenvolver uma liderança exponencial e desenvolva diferenciais competitivos para se tornar um profissional de destaque no mercado.

100% online, aulas ao vivo e gravadas

Próxima turma: De 22 a 25/Fev - 2021, das 19hs às 22hs

Inscreva-se agora
Logo Cyber Monday 2020

Só hoje, nossos melhores Cursos Executivos ou Programas Internacionais com até 50% off

Quero saber mais

O WhatsApp voltará a funcionar após os advogados do aplicativo obterem uma decisão favorável da Justiça de Sergipe, derrubando o bloqueio que havia começado nesta segunda-feira (2). O aplicativo deveria ficar bloqueado por 72 horas, mas passou apenas 24 horas sem funcionar.

Ele deverá estar no ar assim que as operadoras forem notificadas e ajustarem suas redes, retirando o bloqueio. Vivo, Oi, TIM, Claro e Nextel haviam sido obrigadas a bloquear o aparelho por determinação do juiz Marcel Maia Montalvão, da Vara Criminal de Lagarto, em Sergipe.

Montalvão pedia as informações que o WhatsApp teria de uma quadrilha interestadual que realizava tráfico de drogas. Contudo, o Facebook, empresa dona do WhatsApp, afirmava não ter a informação que era exigida pelo usuário. O criador do aplicativo havia chegado a afirmar que ele não guardava o histórico de mensagens dos usuários.