O fator que pode multiplicar o preço do Bitcoin: dinheiro institucional

Até pouco tempo atrás, o Bitcoin era uma coisa só dos “entendidos de tecnologia” e vem se popularizando entre as “pessoas comuns”

Avatar

Por Da Redação

24 de outubro de 2017 às 11:41 - Atualizado há 2 anos

O Bitcoin vem registrando fortes altas em 2017 e pode estar entrando em um momento muito importante para a moeda: o começo da entrada do dinheiro institucional. Isso, aponta o Cointelegraph, pode ser o fator principal para multiplicar o preço da moeda nos próximos anos.

Até pouco tempo atrás, o Bitcoin era uma coisa só dos “entendidos de tecnologia” e vem se popularizando entre as “pessoas comuns”, o que aumenta o mercado potencial da moeda em milhares de vezes. Tanto o Bitcoin quanto outras criptomoedas, estão entrando no radar dos grandes investidores – o Goldman Sachs, por exemplo, destacou que “já não é possível ignorar as criptomoedas” e, rumores apontam, estaria preparando uma plataforma de negociação de moedas.

Isso colocaria as moedas, muitas que já subiram 500% este ano, na mira de investidores – podendo crescer ainda mais. O Cointelegraph aposta em um valor total para elas de US$ 1 trilhão em 2018 – contra US$ 170 bilhões de atualmente. Parece MUITO, mas é só repetir o excelente desempenho deste ano.

Contudo, tudo isso pode ser uma bolha – hipótese levantada por outras pessoas que representam os “investidores institucionais”, como Jamie Dimon, CEO do JP Morgan. Para isso, é necessário cautela antes de colocar todo o seu dinheiro em Bitcoin.

Vamos fazer o maior evento de Bitcoin do Brasil em novembro, onde apresentaremos tudo para que as pessoas possam investir nas criptomoedas. Ele será dividido em três fases: Bitcoin, onde vamos te ajudar a entender o que é a moeda e como investir, Blockchain – quando falaremos dessa tecnologia que é capaz de mudar o mundo e permite o funcionamento das moedas – e Altcoin, apresentando as outras moedas alternativas. Confira a programação deste evento imperdível clicando aqui.